Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Lula quer demitir 8 mil militares de cargos comissionados

Em encontro com integrantes da CUT, pré-candidato afirma que tomará medida

O Liberal

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que deve ser lançado pelo PT como candidato à Presidência da República, disse nesta segunda-feira (4), em encontro com sindicalistas da Central Única dos Trabalhadores (CUT), em São Paulo, que pretende, caso seja eleito, demitir quase 8 mil militares que hoje ocupam cargos comissionados. As informações são do Metrópoles.

VEJA MAIS

Após bandeira com rosto de Lula, TSE proíbe manifestações políticas durante o Lollapalooza
Decisão do juiz Raul Araújo veda manifestação ‘ostensiva e extemporânea’

Eleições 2022: Bolsonaro recupera apoios, mas Lula permanece bem à frente das pesquisas

“Vamos ter que começar o governo sabendo que vamos ter que tirar quase 8 mil militares que estão em cargos de pessoas que não prestaram concurso. Vamos ter que tirar. Isso não pode ser motivo de bravata, tem que ser motivo de construção. Porque, se a gente fizer bravata, pode não fazer”, afirmou o ex-presidente.

Palavras-chave

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA