Eguchi comemora ida ao 2º turno ao lado da família no bairro da Pedreira

“Nós saímos às ruas e percebíamos que a população não aceitava mais essa politicagem", disse ele durante a festa

Caio Oliveira

A festa do Delegado Federal Eguchi com a confirmação da passagem ao segundo turno das eleições para prefeito de Belém foi no bairro da Pedreira, na rua onde o candidato mora com a família. A passagem do Arame, no trecho entre a avenida Doutor Freitas e a passagem Alferes Costa foi tomada por apoiadores do candidato do partido Patriota, que com 61% das urnas apuradas, já dava como certa a disputa com Edmilson Rodrigues (PSOL). Com 98,67% da urnas computadas, Eguchi tinha 23,06% dos votos válidos, e Edmilson, 34,24%.

Quando a apuração estava quase no final, após um atraso na computação dos votos, Eguchi falou com apoiadores e imprensa, reforçando que o apoio popular foi diferente do que as pesquisas diziam e foi isso que garantiu a vitória. "Não foi muita surpresa. Nós sabemos que essas pesquisas estavam sendo manipuladas por causa das caminhadas nos bairros, pois o apoio popular era muito grande. Nós não tínhamos dinheiro pra fazer pesquisa, então, nós aguardávamos as pesquisas dos outros partidos, e sempre davam diferente da pesquisa popular. Nós saímos às ruas e percebíamos que a população não aceitava mais essa politicagem, essa bandalheira, essa bandidagem, essa corrupção toda. Mas as urnas não mentem", disse o delegado. 

“A sociedade clamava. Eu sempre disse que não era um pedido de voto, era um pedido de socorro. Por esse motivo, já era aguardado esse momento histórico de estarmos no segundo turno”, disse o sargento Quemer, candidato a vice-prefeito pela chapa do Delegado Eguchi.

Rosiane Eguchi, esposa do candidato a prefeito e presidente da frente Patriota Mulher do partido disse que o voto feminino teve importante participação na campanha do Delegado. “Meu coração tá com muita alegria e felicidade, pois eu tenho certeza que as mulheres patriotas dessa cidade se uniram pra essa transformação”, disse, em meio à festa.

“O segundo turno é uma nova eleição. Amanhã vamos sentar, com todos que quiserem participar desse grande projeto. Inclusive, os candidatos que foram derrotados agora estão convidados, mas sem corrupção, sem politicagem! Quem quiser se adequar ao nosso plano de governo, a porta tá aberta!”, encerrou o candidato a prefeito.

Após a festa no comitê do candidato, Eguchi seguiu com apoiadores para uma carreata pelas ruas, rumo à avenida Doca de Souza Franco.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA