Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

DNIT anuncia pavimentação de quase 60 km da BR-422, entre Novo Repartimento e Tucuruí

Edital de licitação das obras foi publicado nesta quarta (13), após articulação da bancada do Pará

O Liberal

Com investimento previsto de R$ 176 milhões, a BR-422 deve passar por obras, no trecho entre Novo Repartimento e Tucuruí. Nesta quarta-feira (13), foi publicado no Diário Oficial da União o edital de licitação para construção e pavimentação da via. Ao todo, serão pavimentados 59,34km da rodovia, segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

“A BR-422 é uma rodovia que teve sua construção lá na década de 80. De lá pra cá, nunca foi asfaltada e nas épocas mais chuvosas do ano, ela fica intrafegável. Na seca, espalha poeira para tudo que é canto, provocando, inclusive, problemas de saúde na população local”, declarou o senador Zequinha Marinho (PSC/PA), líder da bancada do Pará no Congresso Nacional.

A licitação para definir a empresa responsável pela pavimentação da BR-422 está prevista para acontecer no próximo dia 05 de novembro, seguindo a modalidade em Regime Diferenciado de Contratação (RDC), na forma eletrônica, do tipo menor preço. O prazo de execução do empreendimento é de 2 anos. 

A bancada (do Pará) se reuniu e conseguiu recurso proveniente de emendas parlamentares para que o governo pudesse iniciar a obra, afirma Zequinha Martinho (Pedro França / Agência Senado)

Zequinha Martinho já vinha articulando com as autoridades a pavimentação da via, assim como outros partamentares, justificando o seu estado crítico e os transtornos causados na região. Para o senador, a Bancada teve um importante protagonismo para que o governo tivesse condições de realizar a obra.

“Não poderíamos continuar assim e, para resolver esse problema, a bancada se reuniu e conseguiu recurso proveniente de emendas parlamentares para que o governo pudesse iniciar a obra”, explicou. Foram assegurados pela bancada R$ 44 milhões para começar a execução dos trabalhos. Existe a necessidade que no PLOA 2022 (Projeto de Lei Orçamentária Anual), que estima a receita e fixa a despesa da União para o próximo ano, os parlamentares destinem uma complementação para a continuidade da obra.

Segundo o superintendente regional do DNIT no Pará, Marcelo Sortica, a obra na BR-422 é “uma das grandes prioridades do governo federal”. Além dessa, ele cita a pavimentação da BR-230, no trecho de Itupiranga até Novo Repartimento, e a duplicação da BR-316. “A pavimentação da BR-422 é continuidade da BR-230. Uma dá continuidade a outra. Com essas duas obras, teremos o acesso de Marabá a Tucuruí por uma via toda pavimentada”, ressalta.

Palavras-chave

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA