Policial militar reformado que trabalhava como segurança é morto no Jurunas

Nenhum pertence foi roubado da vítima, o que reforça tese de execução

Redação Integrada

Um policial militar reformado foi morto a tiros na noite desta quinta-feira (9), na Avenida Roberto Camelier, próximo à avenida Bernardo Sayão, bairro do Jurunas, em Belém. Identificado apenas pelo prenome Aldemir, ele trabalhava como segurança particular de um mercadinho e estava saindo do local quando foi atingido pelos disparos.

Identificado apenas pelo prenome Aldemir, ele trabalhava como segurança particular de um mercadinho e estava saindo do local quando foi atingido pelos disparos. (Elivaldo Pamplona / O Liberal)

 

 

 

 

 

Segundo informações preliminares repassadas pela polícia, os criminosos desembarcaram de um carro branco e atiraram várias vezes contra a vítima, que morreu na hora. De acordo com o tenente Moura, que estava à frente da guarnição que atendeu a ocorrência, nada foi subtraído do policial reformado. "A informação que temos é que os criminosos atiraram, retornaram ao veículo e fugiram em seguida", complementou.

As autoridades já tiveram acesso a imagens de câmeras de segurança das proximidades e pelo menos um dos acusados já foi identificado. "É uma questão de tempo até darmos uma resposta e prendermos todos os envolvidos", enfatizou

Polícia