Policial Militar morre após ser atingido por carro; motorista fugiu do local

O militar caiu da moto ao ser arremessado

Redação Integrada

Na tarde desta quarta-feira (29), um grave acidente matou um policial militar que foi atingido por um carro enquanto trafegava de motocicleta pela avenida Governador Hélio Gueiros, bairro do Quarenta Horas, em Ananindeua.

De acordo com informações do 29º Batalhão, o PM, identificado como cabo Idemar Alves Dias Neto,  de 35 anos, estava em serviço em uma moto-viatura quando foi atingido, por volta das 13h, em uma rotatória por um carro, modelo Toyota Hilux, que tentava entrar em um condomínio. Testemunhas contaram que o motorista fez uma conversão proibida e atingiu o PM, que caiu da moto e bateu com a cabeça no chão, e mesmo de capacete, ficou ferido.

O impacto foi tão forte que o para-choque do carro caiu no chão, e o PM foi arremessado para o outro lado da rua. O motorista do carro fugiu do local e seguiu para o condomínio. Tropas do Comando de Policiamento da Região Metropolitana (CPRM) e do Comando de Missões Especiais (CME), em conjunto com a Polícia Civil, realizam buscas a fim de localizar e prender o suspeito. 

O Cabo Idemar ainda foi socorrido por uma ambulância do Corpo de Bombeiros, mas morreu antes de chegar ao Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) de Ananindeua.

Em nota, a Polícia Militar informou que lamenta a morte do cabo Idemar e colheu informações no local bem como imagens de um circuito interno de câmeras. Uma mulher se apresentou na Seccional de Polícia Civil da Cidade Nova, como sendo a condutora do veículo que causou o acidente, e está sendo ouvida pela Polícia Civil do Estado. "No entanto, ao contrário da versão apresentada, já há comprovação de que não era ela a motorista do veículo e que o real condutor era um homem, já identificado", disse o comunicado. 

O cabo Idemar atuava no 29º Batalhão, em Ananindeua, e estava na corporação há dez anos. O Centro Integrado de Assistência Psicossocial (Ciap) da Polícia Militar presta apoio aos familiares do militar.

Este é o segundo policial militar do Pará a morrer em um acidente de trânsito estando em serviço pelo segundo dia seguido. Na manhã de terça-feira (28), o sargento José Edmilson da Conceição Barros, lotado no Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), morreu após a viatura onde ele estava ser atingida por outro carro da polícia no município de Goianésia do Pará, sudeste paraense.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM POLÍCIA