Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Motorista de aplicativo é executado a tiros próximo de funerária em Barcarena

O caso aconteceu por volta de 21h40 desta segunda-feira (8), na rua Cantídio Nunes, no bairro Novo II

O Liberal

Um motorista de aplicativo foi morto com pelo menos oito tiros na noite desta segunda-feira (8), em Barcarena, região nordeste do Pará. O crime aconteceu por volta de 21h40 próximo de uma funerária, localizada na rua Cantídio Nunes, no bairro Novo II. A vítima foi identificada como Wellington da Silva Gonçalves, 36 anos. Ele era conhecido pelo apelido de “Preto”. Os tiros atingiram a nuca e as costas de Wellington. O motivo do crime permanece um mistério. As informações são do Informa Barcarena. 

Agentes do 14º Batalhão da Polícia Militar (14º BPM) disseram que Wellington saiu da Vila dos Cabanos com destino a sede de Barcarena. A vítima entrou num bar para beber próximo de onde aconteceu o crime. Ao ir para o banheiro, que fica do lado de fora do estabelecimento, um homem estava aguardando Wellington. O suspeito atirou contra a vítima que morreu na hora em frente a um carro. Ele fugiu numa moto e não foi identificado.

Moradores do entorno escutaram o barulho dos tiros e foram ver o que aconteceu.  Uma live feita pelo Facebook do Informa Pará mostrou diversas pessoas curiosas para saber o que aconteceu. O crime assustou a população da cidade. Um lençol foi colocado por cima do corpo da vítima.

Até 23h50, o autor dos disparos não tinha sido preso. A Polícia Civil foi acionada e deve investigar o homicídio. 

Preto seria morador de Igarapé-Miri e chegou nesta segunda em Barcarena. Ele foi visitar a mãe que reside na rua 12 de Outubro. 

Ajude a polícia com mais informações

Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.

 

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA