Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após suspeita de trote, polícia encontra corpo de mulher seminua no Aurá

Mulher estava praticamente sem roupas e com cabo de aço envolto no pescoço, sugerindo estrangulamento

Ana Carolina Matos, Eduardo Laviano e Ivan Duarte

A ocorrência envolvendo o cadáver de uma mulher, que havia sido encontrado no bairro de Águas Lindas, em Ananindeua, gerou confusão entre as autoridades na manhã desta segunda-feira (7).

Leia mais:

Remoção de cadáver de mulher gera confusão e autoridades analisam se houve trote

O cadáver foi encontrado na tarde desta segunda-feira (07) após uma tentativa frustrada durante a manhã, em avançado estado de decomposição, com um cabo de aço em volta do pescoço, sugerindo estrangulamento. A vítima vestia apenas uma roupa íntima vermelha.

Peritos que estiveram no local afirmaram que somente um médico legista poderá identifcar a mulher e o que houve de fato com ela.

De manhã, a confusão ocorreu pouco após o Instituto Médico Legal (IML) informar que havia sido acionado para a remoção do corpo via Centro Integrado de Operações (CIOp), o órgão de monitoramento cancelou a solicitação. 

Uma equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) havia sido acionada e já seguia para o local, quando o Ciop relatou que a solicitação de remoção havia sido cancelada. 

Em nota enviada pela manhã, a Polícia Militar informou que uma guarnição foi enviada até o local de manhã e constatou que o crime não procede. De tarde, o órgão informou que  com ajuda de uma retroescavadeira, equipes da PM encontraram o corpo.

A equipe da Redação Integrada de O Liberal esteve na área onde o caso teria ocorrido e encontrou uma população reticente, que preferiu não falar com a imprensa. 

A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil  e com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). Entretanto nenhum dos dois órgãos se manifestou até a publicação desta matéria.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA