Helder visita obras da BR-316 e afirma que 1,3 mil empregos serão gerados

O prazo de entrega é novembro de 2020, segundo o executivo estadual

Redação Integrada

O governador Helder Barbalho visitou neste sábado, 24, as obras de requalificação da BR-316. Em sua primeira ida ao local, Helder, que chegou às 9h na rodovia, verificou o andamento das construções do Terminal de Integração de Ananindeua, do Terminal de Integração de Marituba e das estações de passageiros no eixo central da BR. O governador afirmou que as obras já geraram 650 empregos diretos e que, no prazo de três meses, o número passará para 1.300 postos de trabalho ocupados.

A obra de requalificação é um projeto do Governo do Pará, executado desde o dia 15 de janeiro deste ano, onde estão sendo investidos R$ 385 milhões, sendo 78% deste orçamento financiado pela Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA). O objetivo, segundo Helder, é adequar a principal via de acesso rodoviário entre as cidades que fazem parte da região metropolitana e a capital de maneira a poder conciliar o uso do carro particular e o transporte coletivo.

“Queremos garantir que o fluxo da rodovia possa estar em condições de garantir o direito das pessoas de trafegar, ir e vir com qualidade, agilidade e rapidez. O que nós estamos viabilizando é um modelo que busca prestigiar quem está no seu carro particular mas, sobretudo, dar dignidade pra quem necessita do transporte coletivo”, destacou.

A previsão para o término dos trabalhos é para novembro de 2020, devido ao período de chuvas do início deste ano, classificado pelo governador como "o mais forte dos últimos 30 anos segundo os institutos de verificação”.

O chefe do executivo foi recebido pela diretor do Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano (NGTM), Eduardo Ribeiro, e esteve acompanhado de autoridades como o vice-governador Lúcio Vale e do presidente da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), Daniel Santos.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!