Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

De Santarém, 'dona Norminha' dá conselhos sobre a arte de educar os filhos; confira

A personagem divertida, dramática e exagerada é inspirada na mãe do ator Paulo Gustavo e foi estrelada na série de peças e filmes "Minha mãe é uma peça"

Ândria Almeida

Impulsionado por um sonho, pelo sentimento de coragem, talento e muito humor o artista de Santarém, oeste do Pará, George Pisa, tem conseguido levar o personagem que interpreta - a “dona Norminha”, para os holofotes da cidade e região; e ganha cada vez mais o reconhecimento do público. Ele interpreta a inspiração de um dos personagens mais marcantes do ator Paulo Gustavo, que morreu em decorrência da covid-19, e que é um dos maiores ídolos do ator paraense.

A personagem divertida, dramática e exagerada é inspirada na mãe do ator Paulo Gustavo e foi estrelada na série de peças e filmes "Minha mãe é uma peça" (Andria Almeida)

George Pisa conta que iniciou a carreira como ator em 2005 ao participar de apresentações teatrais da igreja que frequentava. No ano de 2007 fundou o Grutap, que anualmente realiza o espetáculo “Jesus o Filho do Homem”, no período Pascoal. “Até o ano de 2013 eu só fazia literatura sacra, nessa época eu conheci a literatura de Paulo Gustavo, mas não pensei que eu fosse ter jeito para comédia. No entanto, Paulo Gustavo virou uma inspiração para mim, me encantei, ri horrores com ele. Então, decidi me arriscar e homenagea-lo”, contou.

O ator conta que a inspiração da dona Hermínia deu vida a Norminha, mas para dar continuidade nas aparições caracterizado com uma senhora que é mãe protetora e exagerada, ele precisava da autorização de Paulo Gustavo. Diante dessa vontade, ele se aventurou na cidade de Recife, local que não conhecia ninguém, para tentar um encontro com o ídolo. Naquele momento, Paulo estava com a turnê 220 volts.

 “Fui até Recife, onde aconteceu o primeiro encontro com ele. Levei um cartaz  e uma carta pedindo autorização e ele super educado me atendeu. Fiquei hospedado na casa da amiga de uma prima. Na época, ele disse você é psicopata, doido, sair lá do Pará para vim atrás de mim”, lembrou aos risos

Com a autorização em mãos, em 2015, George que já trabalhava com apresentações feitas por meio de paródia da dona Hermínia, o ator sonhador começou a trabalhar com a personagem Norminha. “Fiz ela com uma caracterização diferenciada, inspirada na dona Herminia de quando ela era jovem de cabelo solto, blusa e saia, mas sem os bobs e foi um sucesso tremendo, saiu em todos os jornais. Fui me aperfeiçoando nisso”, enfatizou.

George conta que não teve muita credibilidade das pessoas com relação a anuência de Paulo para ele fazer a personagem. Já no ano de 2018, o artista teve um novo encontro com Paulo Gustavo que perguntou como a personagem estava indo, na ocasião, ele pediu para o artista gravar um vídeo dando autorização para que as pessoas levassem mais a sério. “Ele disse no vídeo que havia dado autorização e que eu podia fazer, que estava igualzinho. Eu fiquei emocionado com o carinho dele”, lembra.

No ano seguinte, a Norminha usou os bobs na estreia do filme da dona Hermínia em Santarém, e desde então mantém eles como parte do look.

Norminha foi para as redes sociais na pandemia

George conta que durante a pandemia uma das maneiras de manter a personagem viva foi por meio de transmissões das redes sociais, que teve boa aceitação com apresentações de vídeos com muito humor.

A personagem ficou tão famosa que o ator santareno resolveu se aventurar em novos ares, no Rio de Janeiro (Andria Almeida)

A personagem ficou tão famosa que o ator santareno resolveu se aventurar em novos ares, no Rio de Janeiro. Onde foi convidada a participar do programa Encontro com a Fátima Bernardes, no início do ano, para homenagear o ator Paulo Gustavo. Durante sua passagem pelo Rio, o artista conseguiu realizar o sonho de tirar registro de ator profissional.

George lembra que a sugestão para mudar o nome do personagem foi de Paulo Gustavo para que ele não tivesse problemas por questões de direitos autorais.

Monólogo

Assim como a dona Hermínia, a dona Norminha tem uma casa no palco do teatro, onde ela interpreta monólogos com situações do dia a dia, que está de volta após a parada por conta das restrições da pandemia. O artista confirma que vai se apresentar na Mostra de Teatro que será realizada no mês de novembro no município.

Ator interpreta monólogos com situações do dia a dia (Divulgação/ Ernélio Silva)

A personagem divertida, dramática e exagerada é inspirada na mãe do ator Paulo Gustavo e foi estrelada na série de peças e filmes "Minha mãe é uma peça".

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ