Homem que ficou conhecido por ter sido 'refém de urso' morre por infecção

Alexander Proskurin morreu após uma infecção gerada por uma grande ferida na pele

Redação Integrada, com informações do Metrópoles

Alexander Proskurin, de 41 anos, que teve várias imagens vazadas na internet e ficou conhecido por ter sido feito “refém por um urso”, morreu após um infecção generalizada. Segundo informações do médico Saken Kapanov, do Hospital de Emergência de Aktobe, uma grande ferida infeccionada foi o que deu início ao problema.

“Ele foi trazido para nossa Unidade de Tratamento Intensivo em uma condição muito ruim e morreu dias depois. A causa da morte foi sépis”, disse o médico em entrevista à agência de notícias EADaily.

A história que envolveu o homem começou em 26 de junho. Várias imagens dele em um estado lamentável foram compartilhadas nas redes sociais. Segundo os jornais russos, ele teria sido feito refém por um urso e ficado um mês em uma caverna bebendo a própria urina. Mas a notícia era fake.

Alexander não estava na Rússia, mas sim no país vizinho, o Cazaquistão. Segundo a equipe, ele foi tratado no Centro Médico de Aktobe, cidade ao norte do país. Segundo o médico Rustam Isaev, Alexander esteve no centro médico com um quadro de apatia, depressão e psoríase. “Como médico-chefe, estou dizendo que esse homem não é de Tuvan ou qualquer lugar da Rússia. Ele é residente de Aktobe. Foi tratado no nosso hospital e recebeu alta em condição satisfatória e está sob os cuidados da mãe”, contou à época.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!