Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

O uso de chupeta faz mal para a saúde bucal do bebê?

Se usada fora do prazo recomendado, chupeta pode causar vários danos dentários às crianças

Ana Paula Gama

O uso de chupeta é muito indicado para acalmar os bebês e crianças, porém, quando utilizado de maneira desordenada, esse objeto pode causar grandes problemas dentários e dificuldade ao falar.

Segundo o Comitê Educativo da Uniodonto Belém, a chupeta é recomendada para crianças que, por razões neurológicas, apresentam dificuldades de sugar e não conseguem mamar. Desta maneira, ela tem a função de ensinar os pequenos a fazerem esse movimento.

VEJA MAIS

Dor na boca e na língua podem ser sinais de papilite
Doença trata-se de uma inflamação lingual e possui diversos sintomas

Cárie não tratada pode causar abscesso dentário
Doença é caracterizada por dores intensas e inchaço

A seguir, confira os principais problemas causados pelo uso de chupeta:

1. Interferência na amamentação: os bebês que usam a chupeta durante o dia inteiro, sem momentos de pausa, podem ter problemas com a amamentação. Uma das hipóteses é que eles se sentem satisfeitos com o bico da chupeta e acabam abandonando o peito da mãe antes do tempo recomendado;

2. Favorece o aparecimento de infecções: a chupeta pode estar relacionada com diversas infecções, entre elas, aquelas que causam dor de ouvido no bebê. Isso porque ela favorece a circulação de microrganismos na região, por meio da movimentação do músculo tensor do palato;

3. Danifica os dentes: além da negligência com a escovação, o uso prolongado da chupeta também pode causar alterações na formação das estruturas da boca da criança. O céu da boca pode atrofiar, assim como os dentes superiores podem ser empurrados para frente;

4. Dificulta a fala: ao passar tempo demais com a chupeta na boca, a criança acaba tendo dificuldades para falar. Com isso, tende a balbuciar no lugar de imitar os sons que ouve ou repetir as palavras que são ensinadas.

Seu filho (a) tem algum desses problemas?

 

O Comitê Educativo da Uniodonto Belém também informa que devido às consequências do uso desordenado de chupeta, recomenda-se que as crianças usem o objeto, no máximo, até os três anos de idade.

É válido ressaltar a importância dos pais se sentirem seguros sobre as necessidades de seus filhos e entenderem que se o uso da chupeta for moderado e a retirada ocorrer dentro do prazo recomendado, é possível deixar a criança se confortar com a chupeta.

 

 

Uniodonto
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!