Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Núcleo da Unimed oferece serviços específicos para pessoas com autismo

NATITEA também acolhe os familiares de pessoas com Transtorno do Espectro Autista

Ana Paula Gama

Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) necessitam de acompanhamento médico constante para tratar o TEA e conquistar bem-estar e qualidade de vida.

Diante desse cenário, é importante que os pais ou responsáveis da pessoa com autismo busquem cada vez mais atendimento humanizado.

Em Belém, a Unimed possui o Núcleo de Acolhimento e Avaliação de Terapias Integrativas às Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (NATITEA), que tem o papel de acolher as famílias e realizar o percurso para crianças que ainda não possuem o diagnóstico de TEA.

Equipe multidisciplinar do NATITEA tem como foco principal o acolhimento da pessoa autista e de seus familiares. Na foto, alguns integrantes do Núcleo. (Arquivo pessoal)

 

De acordo com a fonoaudióloga do Núcleo, Elaine Valente, o NATITEA também realiza o gerenciamento de cuidados, juntamente com os familiares de pessoas autistas, por meio de orientações que são repassadas em cursos, lives na internet e treinamentos para qualificar os membros da família.

VEJA MAIS

A importância do diagnóstico precoce e acompanhamento médico constante da criança autista
Consultas e terapia com equipe multidisciplinar são fundamentais para o tratamento do autismo

Como identificar sinais de autismo nas crianças
Pessoas com o transtorno apresentam dificuldade de interação social e alterações no comportamento

Inauguração

A terapeuta ocupacional do Núcleo, Thamires Bezerra Vasconcelos, explica que a instituição foi inaugurada em 2020 e, atualmente, conta com diversas especialidades médicas.

“Nosso núcleo tem uma equipe multidisciplinar composta por terapeuta ocupacional, fonoaudióloga, psicóloga, assistente social, pediatra, neuropediatra e psiquiatra”, elenca.

Acolhimento

O NATITEA atende crianças, jovens e adultos autistas, oferecendo uma visão global do processo terapêutico, além de realizar o treinamento parental, que é considerado uma das intervenções com maiores evidências cientificas para pessoas com TEA.

“O Núcleo é voltado para o acolhimento de pessoas com diagnóstico de autismo fechado ou em processo”, acrescenta Thamires Bezerra.

O trabalho do NATITEA favorece a pessoa com autismo, o processo terapêutico e a família, contribuindo igualmente para o pleno desenvolvimento das crianças, adolescentes e adultos.

Serviço:

O NATITEA funciona das 8h às 18h, na Estação Saúde da Unimed, localizada na rua Senador Manoel Barata, nº 1508, no bairro do Reduto. Para agendar um acolhimento, o beneficiário pode entrar em contato por meio do número: (91) 4009-5977. Para mais informações, clique aqui.

 

Unimed
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!