Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Planejamento financeiro: qual a importância e como fazer?

Confira as dicas do especialista e termine o ano com saldo positivo

Marina Pereira

A conquista do equilíbrio financeiro é um desafio para a maioria dos brasileiros. Estima-se que cerca de 50% das famílias no país possuem dificuldades para manter as despesas controladas dentro dos limites dos ganhos gerados no mês. 

O que se observa de mais comum é a falta de controle nos gastos e muita gente recorrendo a empréstimos ou ao parcelamento permitido pelo cartão de crédito de forma descontrolada. 

Numa crise, como a gerada pela pandemia, o desafio de manter as contas em dia alcançou novos patamares. Portanto, aprender a manter o equilíbrio financeiro tornou-se um aprendizado urgente e fundamental. O Diretor de Negócios do Sicoob Coimppa, Massimo Roberto, revelou dicas importantes para sair dessa situação e estabelecer um planejamento financeiro pessoal.

VEJA MAIS

Saiba como funciona a distribuição de resultados nas cooperativas
Recursos oriundos das atividades cooperativas são devolvidos de forma justa e equilibrada entre os associados

Cooperativas de crédito ganham popularidade entre microempreendedores
Instituições financeiras possibilitam bons investimentos para pequenos negócios

O Diretor de Negócios do Sicoob Coimppa, Massimo Roberto, aposta em planejamentos financeiros (Arquivo pessoal)

 “Para conquistar o equilíbrio financeiro o primeiro passo é saber o quanto se ganha, ou seja salário e comissão, e ter consciência que esse valor precisa durar o mês todo. O segundo passo é o controle entre gastos e ganhos, sabendo das despesas, sendo elas fixas ou variáveis, o ideal é que sempre o salário seja maior que as despesas, a fim de encontrar o equilíbrio financeiro”, complementou o diretor. 

Para os casos onde as despesas se encontram maiores que o salário, o especialista indica a organização por tabelas e planilhas, corte de gastos e um bom planejamento familiar. 

“Nesses casos, é importante colocar os gastos em uma tabela ou planilha, a fim de identificar o que pode ser cortado, parcelado ou cancelado, mas se mesmo assim a situação permanecer, é importante recorrer a um planejamento maior, que é o planejamento familiar, onde todos participam e a união de salários será a fonte de renda, logo as despesas poderão ser distribuídas. Esse planejamento também fortalece a família, gerando assim a conscientização e consequentemente o equílibrio”, comentou. 

Em Belém, o Sicoob Coimppa, uma instituição financeira cooperativista completa, trabalha com iniciativas de educação financeira a seus cooperados, a fim de controlar gastos, diminuir despesas e economizar.

“Trabalhamos hoje como agentes de promoção ao desenvolvimento, onde os gerentes atuam como consultores financeiros, orientando os associados quanto a quanto a gestão de recursos e educação financeira.  As soluções contam com  contas aberta de forma digital ou a conta aberta na agência física, e soluções de crédito (empréstimo pessoal, consignado, financiamento de veículo) e produtos produtos e serviços (maquineta, boleto bancário, seguro, consórcio e previdência) e investimento (poupança, fundo de investimento, RDC e tesouro direto)” explicou o diretor. 

Para saber mais sobre essas e outras iniciativas do Sicoob Coimppa, clique aqui

Sicoob
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!