Por enquanto: Paysandu e Remo mantém treinos normais na equipe profissional

Papão suspende, porém, atividades da base e seletiva do futebol feminino em função do risco de Covid-19

Redação Integrada

Dada a quantidade de viagens e contato físico entre os atletas é recomendável a suspensão imediata das atividades no meio do futebol.

A explicação é do médico Renan Cortinhas. "Não só pelo esporte em si, mas principalmente pelo número grande de viagens dos times e dos jogadores das mais variadas regiões. Ainda tem a concentração dos jogos, onde os jogadores ficam em espaços confinados em contato bem próximo", relatou, falando a respeito da possibilidade de contágio e surto no ambiente futebolístico. 

Até o momento, as equipes profissionais não pararam de treinar até em função  da não suspensão do Campeoanto Paraense. A rodada será de portões fechados. A reportagem contatou com os presidentes dos clubes. O gestor do Remo Fábio Bentes, afirmou. "Por enquanto ainda não". O presidente do Paysandu, Ricardo Gluck Paul, também pediu calma e não suspenderá às atividades, até segunda ordem. Na hipótese de o Pará ter o primeiro caso confirmado, Gluck Paul irá repensar a situação.

Por outro lado, em anúncio nas redes sociais, o Paysandu optou pela suspensão das atividades das categorias de base por 20 dias. Além disso, foi cancelada uma seletiva que estava agendada para recrutar talentos no futebol feminino.

 

 

 

 

 

 

 

Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES