Projetos arrecadam alimentos e presentes para fazer o Natal de famílias em vulnerabilidade social

Grupos Pará Solidário, Calf, Caruanas Va'a e Missão Belém são alguns deles. Veja como ajudar

Elisa Vaz

Solidariedade e altruísmo são sentimentos que invadem o coração das pessoas para ajudar quem tem menos condições financeiras nesta época do ano. Perto do Natal, celebrado na semana que vem, diversos projetos e grupos sociais se reúnem para arrecadar alimentos, presentes e itens necessários para a sobrevivência das famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social.

Entre as ações deste mês estão as do Pará Solidário, antigo “Venezuelanos Belém”, que já atendeu mais de 1.200 famílias de baixa renda. São 140 crianças apadrinhadas e 25 lares ajudados constantemente. O grupo é formado por 140 voluntários, dentre eles médicos, pedagogos, advogados, enfermeiros, servidores públicos, empresários, engenheiros, fonoaudiólogos, área de segurança pública, psicólogos e outros. Além disso, 20 sócios solidários ajudam a manter os custos fixos, um padrinho e muitos empresários apoiam as atividades como “anjos da guarda”.

No Natal, serão atendidas 300 famílias cadastradas – para além das que são apadrinhadas – no Pará Solidário. A ação principal, do dia 24 de dezembro, começa com a distribuição de café da manhã, a partir das 8h, para as famílias do Aurá, e também há a entrega da Ceia de Natal, contendo frango, panetone, bolos, sucos, frutas, óleo e manteiga, ou seja, itens que podem compor a produção de um jantar em casa. Já as crianças recebem brinquedos no valor de R$ 30. Não haverá animação nem brincadeira, para evitar aglomerações e combater o novo coronavírus, porém, um Papai Noel irá até os pequenos.

Antes dessa ação, no dia 23, ainda haverá a entrega das cestas de Natal para as famílias que não são do Aurá – são atendidos cerca de 50 lares de fora da região. Caso sobrem brinquedos e alimentos, também serão ajudadas as famílias das invasões de Icoaraci e da Pratinha, que não são cadastradas mas costumam recebem a assistência do projeto.

Para ajudar as atividades com os itens necessários para as duas ações, ou mesmo fazer doações em dinheiro, há a possibilidade de fazer depósitos e transferências bancárias nas contas listadas ao final da matéria, ou presencialmente nos seguintes endereços: Colmeia Park, na avenida Pedro Álvares Cabral, nº 307; Studio Car, na travessa Mauriti, nº 2.585; Rua Caripunas, nº 127; Marque X, na travessa Djalma Dutra, nº 682; Gleba II, quarta rua, nº 42, na Marambaia; Inter Brasil, na rua Oliveira Belo, nº 122; Depyl Plus, na rua Antônio Barreto, nº 1.039; ou na Sobrancelhas Design do Shopping Boulevard, no primeiro piso.

A Casa de Acolhimento Luz da Fraternidade (Calf), um espaço institucional que abriga pessoas em situação de rua, também vai realizar ações diferenciadas no final do mês, levando felicidade para as crianças do bairro da Cabanagem, em Belém, com entregas de presentes e lanche. Podem ser doados brinquedos novos ou o valor necessário para a compra dos itens, e o prazo da doação é esta sexta-feira (18). Os voluntários escolhem uma das 300 crianças na lista – para ter acesso, basta entrar em contato com a equipe pelas redes sociais. A ação será realizada no dia 24. Já em relação às pessoas acolhidas pelo grupo, será oferecida a elas uma Ceia de Natal no dia 23 da semana que vem, com bingo e outras brincadeiras.

Segundo o diretor administrativo, Liandro Faro, diariamente, são atendidas 160 pessoas com almoço. "As festas de final de ano, principalmente em razão do período natalino, são sempre sugestivos à confraternização entre amigos e familiares, à solidariedade entre as pessoas. Neste ano de pandemia, devemos mais do que nunca demonstrar nosso afeto, nosso amor e compaixão pelos que estão em situação de vulnerabilidade social, pois são os que mais sofrem. Fazer estas ações é reforçar os laços de humanidade, de amor e fraternidade, demonstrando alteridade para com aqueles que mais sofrem as desigualdade sociais", afirma.

As doações dos brinquedos e alimentos, ou em dinheiro, podem ser feitas presencialmente na Casa de Acolhimento Luz da Fraternidade, na rua Amazonas, nº 48, no bairro da Cabanagem, em Belém, ou por meio de depósito ou transferência bancária, com dados nesta página.

Grupo de canoagem realiza ação de Natal

Como o contato com a água é constante dentro do esporte da canoagem, o grupo Caruanas Va'a, de Belém, vai atender a população ribeirinha da iIlha do Marajó neste fim de semana. Todo ano, o grupo realiza atividades de Natal e, neste mês, a equipe pretende arrecadar 158 brinquedos, para 98 meninos e 60 meninas. A arrecadação é feita até esta quinta-feira (17), para crianças de, aproximadamente, 8 anos de idade, e a entrega será feita no dia 20 de dezembro, em que os integrantes vão viajar até Soure para se reunir com o Instituto Caruanas do Marajó, conhecer o projeto, entregar os brinquedos e remar.

Outra ação também será realizada no dia 26 de dezembro, com a distribuição de 42 cestas básicas, cuja entrega será feita na casa de um morador da comunidade do Furo Grande, o Sr. Celso, conhecido do grupo de remadores. A coleta será de R$ 35 para a cesta e de R$ 35 para brinquedos.

O grupo Missão Belém também atua neste Natal. Em conjunto com outros dois projetos, foi feito um Jantar de Natal, na última sexta-feira (12), para as pessoas em situação de rua, em que foram distribuídas mais de 150 marmitas de lasanha e 150 marmitas com bolo, material arrecadado com doações da comunidade. Apenas neste dia, quase 10 pessoas saíram das ruas e decidiram ir para a Missão Belém tentar mudar de vida.

A voluntária do projeto Evely Moura diz que dentro do abrigo a programação é voltada para a espiritualidade. “Buscamos mostrar para os nossos acolhidos o real sentido do Natal e o que o nascimento do menino Jesus representa para nós. Temos a Santa Missa de Natal e um jantar fraterno após a Missa”, diz.

 

Veja como doar:

- Pará Solidário

PIX CPF: 744.561.802-34

Banco do Brasil

Titular: Sofia Silva Paz

Agência: 2810-X

Conta corrente: 106424-X

Bradesco

Titular: Anant Paz Singh

Agência: 2398-1

Conta corrente: 28854-3

Santander

Titular: Sofia Silva Paz

Agência: 3524

Conta corrente: 1089904-5

 

- Calf

PIX CNPJ: 26.395.441/0001-23

Banco do Brasil

Titular: Associação Luz da Fraternidade

CNPJ: 26.395.441/0001-23

Agência: 3702-8

Conta corrente: 45087-1

Presencialmente: Casa Luz da Fraternidade

Rua Amazonas, 48, bairro Cabanagem, Belém, Pará.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA