CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Prazo para declarar o imposto de renda termina nesta sexta (31/05)

Contribuintes precisam se atentar para não perder o prazo da declaração

O Liberal
fonte

Termina nesta sexta-feira (31/05) o prazo para entregar a declaração do Imposto de Renda 2024. Caso o contribuinte não faça a prestação de contas no período estabelecido, ficará sujeito a uma multa sobre o valor devido

Até às 17h30 desta segunda-feira (27/05), haviam sido entregues 747.317 declarações no Pará, o que equivalente a 81% do previsto, conforme informado ao Grupo O Liberal pela Receita Federal. A expectativa para 2024 é de 926.760. Em 2023, foram entregues 886.949. 

As entregas da declaração do imposto de renda poderão ser feitas online, pelo Programa Gerador de Declaração (PGD) ou site e aplicativo “Meu Imposto de Renda”, normalmente, até 31 de maio, sem nenhum prejuízo ao contribuinte.

VEJA MAIS

image Quais documentos são necessários para declarar Imposto de Renda? Confira a lista completa
Prestação de contas é uma obrigação anual para muitos brasileiros

image Declaração do IR: saiba diferenças entre modelo completo e simplificado
Supervisor regional do Imposto de Renda no Pará explica o que pode ser deduzido em cada modelo de declaração

image IRPF 2024: saiba o que são os rendimentos isentos, que não têm incidência do imposto
Contribuinte tem direito a recuperar os valores pagos indevidamente com o Imposto de Renda, dependendo do caso

De acordo com a Receita Federal, quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 30.639,90 em 2023, deve fazer a prestação de contas.

Desde a última semana, a consulta ao primeiro lote de restituição já está disponível. Segundo o órgão, serão contemplados 5.562.065 contribuintes, entre prioritários e não prioritários, com um valor total de crédito de R$ 9,5 bilhões - o maior valor já pago pela Receita em um lote de restituição, que inclui também restituições residuais de exercícios anteriores.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Economia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA