Hortis registram alta de preço em agosto; pepino lidera aumento com 4%

Em compensação, o quilo da batata lavada teve recuo de 26,85%

Redação Integrada

A maioria dos hortis (hortaliças, verduras e legumes) comercializados em feiras livres e supermercados da Grande Belém apresentou alta de preços em agosto, em relação ao mês de julho. O pepino foi o vilão dos aumentos, com um reajuste de 4%. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (17), pelo Dieese-PA. Veja os outros alimentos que também tiveram aumentos:

- Quiabo kg com alta de 3,44%

- Beterraba kg com alta de 3,15%;

- Maxixe kg com alta de 2,99%;

- Cariru maço com alta de 2,88%;

- Batata doce rosa kg com alta de 2,75%;

- Chuchu kg com alta de 2,54%;

- Cheiro verde maço com alta de 1,57%;

- Cebolinha maço com alta de 1,19%

- Alfavaca maço com alta de 1,01%.

De acordo com a pesquisa, também no mês de passado, outros itens apresentaram recuos de preços. Veja a lista:

- Batata lavada kg com recuo de 26,85%

- Cenoura kg com queda de 9,32%

- Cebola kg com queda de 9,05%

- Repolho kg com queda de 8,08%

- Salsa maço com queda de 2,58%

- Batata doce branca kg com queda de 1,97%.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!