Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pará vai em busca do título do Miss Beleza T Brasil

Concurso é voltado para mulheres transexuais. Isabella Santorine, de 30 anos, representa o Estado

Alexandra Cavalcanti

Não é de hoje que a beleza das mulheres trans chama atenção. Mas o reconhecimento disso por meio de concursos nacionais e internacionais é um fenômeno relativamente recente. Um dos mais famosos é o Miss Beleza T Brasil, marcado para este sábado (29), Dia Nacional da Visibilidade Trans e Travesti. Este ano, o Pará conta com uma representante, Isabella Santorine, de 30 anos. 

Isabella já passou por um primeiro crivo, ao ser selecionada pelo comitê nacional do concurso, entre cerca de 200 meninas inscritas. Agora concentra todas as suas atenções para a disputa de hoje. “Estou em confinamento em São Paulo com as outras candidatas. Tivemos várias agendas ao longo da semana no hotel. Precisamos seguir todas as orientações de alimentação, de maquiagem e de roupa. A gente fez todo um cronograma e estou seguindo-o à risca”, contou.

Todo esse cuidado tem uma explicação bem que está além da beleza. “Para muitas pessoas o concurso é apenas uma coisa supérflua. Mas não é só isso. A sociedade infelizmente aponta nossos corpos como feios e que não merecem estar em um lugar de visibilidade como um concurso de beleza. Então essa disputa é justamente para enaltecer a nossa beleza, mostrar nossas particularidades e nossas diversidades. Não é um concurso de beleza apenas. É um concurso também político porque eleva a nossa beleza, a nossa beleza trans, a nossa beleza travesti”, explica.

Foi justamente isso que a motivou participar do concurso. “Sempre quis mostrar para a sociedade uma imagem diferenciada, que não fosse marginalizada, estigmatizada. Então, o concurso mostra o outro lado, o lado da beleza, o lado da elegância, o lado da desenvoltura, da oratória, mostrando que nós sim podemos estar em vários espaços, inclusive em um concurso de beleza”, afirma.

A vencedora do concurso de hoje vai representar o Brasil no Miss International Queen, na Tailândia. “Lá vão estar meninas trans e travestis de todo mundo. Estou super ansiosa porque se eu ganhar aqui será a primeira vez que o estado do Pará estará representado. Vamos ter o Brasil e o Pará nesse concurso tão lindo. Por isso, as minhas expectativas para ganhar o Miss Beleza T Brasil e ir para o Miss International Queen são as maiores. Quero dar esse orgulho para o meu estado”, diz

Especial

Não por um acaso, o concurso será realizado em um momento emblemático, o Dia Nacional da Visibilidade Trans e Travesti celebrado neste sábado (29). “Esse é um dia para reivindicarmos nossos direitos que infelizmente, na atual conjuntura no Brasil, estão sendo negados. É um dia para irmos para as ruas, levantar a bandeira e falar que nós existimos e resistimos. Queremos nosso lugar ao sol. Queremos oportunidade no mercado de trabalho. Queremos construir a nossa família e não destruir a família de ninguém”, reforça.

 

Agende-se: Concurso Miss Beleza T Brasil. Dia 29 a partir das 19h com transmissão ao vivo pelo site Miss Beleza T Brasil, pelo canal do YouTube e pelo Facebook.

 

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA