Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Turnê inédita em homenagem a Cazuza chega a Belém neste domingo, 10

Concerto inédito “Exagerado” relembra as principais canções do ícone da música dos anos 80

Thainá Dias

Considerado um gênio exagerado, Cazuza se tornou um ícone da música nos anos 1980 e foi responsável por inúmeras canções que fazem parte da memória afetiva do público brasileiro. O artista vem sendo celebrado com uma homenagem em formato sinfônico no concerto inédito “Exagerado”.  A iniciativa, que conta com o patrocínio do Instituto Cultural Vale, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, tem direção artística do maestro Eder Paolozzi, regente titular na Nova Orquestra e da Funk Orquestra, e reúne músicos do conjunto e jovens músicos integrantes do Programa Vale Música para apresentar versões orquestradas de vários hit do cantor. A turnê chega a Belém no domingo (10), a partir das 19h, no Theatro da Paz.

O paraense Renan Cardoso, maestro principal da Orquestra Jovem Vale Música Belém, será o regente do espetáculo. “Será uma linda e inédita homenagem, pois executaremos algumas das mais belas canções de Cazuza em um formato totalmente instrumental com uma Orquestra Sinfônica. Estou muito emocionado em poder conduzir este desafiador espetáculo. Espero que todos que assistam ao show saiam felizes, motivados e transformados, acreditando que a cultura modifica a vida de todos”, destacou o maestro.

A turnê já passou pelo Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Vitória, encerrando o ciclo de apresentações na capital paraense. O projeto tem a benção de Lucinha Araújo, mãe de Cazuza: “Fico muito emocionada quando homenageiam meu filho, ainda mais com uma orquestra”. O efetivo será formado por 30 participantes do programa Vale Música, sendo dez de Belém, no Pará, dez de Serra, no Espírito Santo e dez de Moinho Cultural - Corumbá, no Mato Grosso do Sul, e mais cinco integrantes da Nova Orquestra, do Rio de Janeiro. Serão dezesseis violinos, seis violas, quatro cellos, uma flauta, uma clarineta, duas trompas, dois trompetes, um trombone, uma bateria e um baixo elétrico.

Para a aluna do programa Vale Música, Ingridy Santos, que toca cello, o sentimento é de gratidão. “Gratidão por estar entre os alunos selecionados. Está sendo uma experiência totalmente diferente para mim. É a primeira vez que participo de uma turnê e principalmente em homenagem à uma das vozes mais marcantes do nosso país. A arte muda a vida das pessoas. Assim como mudou a minha quando eu fiz a escolha por essa profissão, ela também pode mudar a vida de alguém, tocando o coração através da música. As músicas do Cazuza tem uma memória afetiva para as pessoas e tenho certeza que será uma noite incrível e emocionante. Principalmente por estarmos, apesar de todas as perdas e momentos difíceis, superando essa pandemia”, concluiu a aluna e integrante da orquestra.

Os alunos do Projeto Vale Música Belém que vão participar do concerto são:  Luidi Tavares (violino I); Felipe Ryan Viana, Gabriel Carneiro e Giovan Amaral (violino II); Henrique Correa (viola); Alípio Vilena, Ingridy Silva, Victória Correa e Willian Ambé (violoncelo). Essa é a segunda parceria da Nova Orquestra com o Vale Música, sendo a primeira com apresentações presenciais.

 

Agende-se

Concerto “Exagerado”, com a Nova Orquestra e alunos do Programa Vale Música

Data: 10/04 (domingo)

Local: Theatro da Paz (Praça da República | Rua da Paz, s/n, Centro)

Horário:  19h

Classificação: livre

Ingressos: à venda no ticketfacil

Valores: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)

Palavras-chave

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA