Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Independência do Brasil: confira seis curiosidades sobre o 7 de setembro

O O Liberal separou uma lista com fatos interessantes sobre a data que poucos conhecem

Amanda Martins

Nesta quarta-feira, 7 de setembro, é comemorado o Dia da Independência do Brasil, que foi proclamada por Dom Pedro I, em 1822. Para celebrar o bicentenário da Independência, o O Liberal.com conversou com estudioso da história brasileira e do Pará, Heber Gueiros, e separou seis curiosidades sobre esse grandia, e que poucos sabem. Confira a lista abaixo: 

VEJA MAIS

Belém reforça segurança durante os eventos de 7 de Setembro
163 guardas municipais para atuarem durante o desfile militar e outros eventos que vão ocorrer no feriado da Independência

Feriado de 7 de Setembro: o que abre e fecha em Belém
Órgãos públicos terão o atendimento suspenso, mas serviços considerados essenciais funcionarão em serviço de escala. Lojas de shoppings abrirão em horário diferenciado; confira

O que fazer hoje em Belém; confira a agenda cultural desta quarta-feira (7)

Conheça seis curiosidades sobre a Independência do Brasil:

  1. A comitiva de D. Pedro I provavelmente estava montada em mulas, e não em cavalos. Isso porque, esse era o animal mais utilizado para transporte na época e adequado à região;
  2. D.Pedro I participou de um jantar - uma mariscada oferecida pela Marquesa de Santos, Domitila de Castro (conhecida como amante de D. Pedro I) -, gerando cólicas e todo mal-estar no momento em que ele proclamava a Independência do país;
  3. Para se tornar independente, o Brasil teve que pagar 2 milhões de libras esterlinas a Portugal. Sem ter dinheiro, precisou-se fazer um empréstimo com a Inglaterra e, assim, surgiu nossa dívida externa;
  4. D. Leopoldina, esposa do D. Pedro I, foi nomeada como regente interina do Brasil enquanto ele viajava para São Paulo à procura de apoio. No dia 2 de setembro de 1822, ela convocou um Conselho de Estado e sancionou a deliberação do grupo, que deveria proclamar a Independência. O que leva a verdadeira curiosidade: mesmo que por pouco tempo, D. Leopoldina foi a primeira mulher a governar o Brasil;
  5. Os jornais da época só citam a proclamação da Independência a partir do dia 12 de outubro de 1826, ou seja, quatro anos depois;
  6. A famosa pintura "Independência ou Morte”,  do artista brasileiro Pedro Américo, mostra D. Pedro I vestido com as roupas reais. Mas, segundo historiadores, aquilo não condizia com a realidade. Acreditava-se que o Rei estava trajado como um tropeiro, ou seja, com roupas bem simples. 
Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA