Começam as investigações sobre o caso de racismo contra Seu Jorge em Porto Alegre

A Polícia investiga os vídeos do evento

Painah Silva
fonte

Após a repercussão do caso de racismo que aconteceu em Porto Alegre (RS) contra o cantor Seu Jorge, a Polícia Civíl começou a investigar o caso. O artista apresentava um show no clube Grêmio Náutico União, na última sexta-feira, 14, quando pessoas na plateia começaram a imitar barulhos de macaco

VEJA MAIS

image Seu Jorge sofre racismo durante show em Porto Alegre
O artista foi atacado na noite da última sexta-feira, 14, no Clube Grêmio Náutico União, em Porto Alegre

image 'Filme acende história apagada do Brasil', diz Seu Jorge sobre 'Marighella'
Apesar do imenso sucesso no gênero, ele tem ampliado cada vez mais sua presença em outras áreas artísticas, entre elas a atuação

image Seu Jorge aparece ruivo e seguidores reagem: ‘Benzadeus’
O artista compartilhou uma foto com o novo visual e fez anúncios para este ano

O caso viralizou nas redes sociais no final de semana com relatos de pessoas que estavam no local no momento do episódio. Xingamentos como "vagabundo e "safado" também foram ouvidos. 

Segundo informações do site Uol, a Delegacia de Polícia de Combate à Intolerância (DPCI), do Departamento Estadual de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV), começou a investigação e tenta reunir informações para compreender o que realmente aconteceu. 

De acordo com o site, nesta segunda-feira, 17, a Polícia irá solicitar as imagens de segurança do clube. Ainda nesta semana, testemunhas serão ouvidas

(*Estagiária Painah Silva, sob supervisão do Coordenador de Conteúdo de Cultura, Abílio Dantas)

Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA