Artistas comemoram e falam da importância das leis de incentivo

Daniel ADR pensou em largar a carreira na música por falta de perspectiva

Bruna Lima
fonte

As leis de incentivo na área da cultura são como um respiro para o artista, principalmente neste momento de pandemia. Nesta segunda (31), a Natura divulgou o resultado do edital de 2022 e o Pará é contemplado com a seleção de quatro artistas e dois coletivos, entre eles estão: Azuliteral, Raidol, Flor de Mururé, Daniel ADR, Festival Lambateria e Elas no Comando. 

Só de pensar que há dois anos o rapper Daniel ADR pensou em largar a carreira na música por falta de perspectiva, hoje, ele se sente feliz e um pouco mais aliviado em poder mostrar seu trabalho e obter um retorno. O artista diz que ser preto, da periferia e ainda ter dificuldades na fala são questões que dificultam ainda mais para a mudança de uma realidade.

"Foi por meio da música que eu encontrei uma forma de me comunicar e tratar sobre questões que afetam a mim e também a outros jovens, mas chegou um momento que eu pensei em desistir, pois não estava recebendo retorno algum e, principalmente, não tinha dinheiro algum para realizar meu trabalho", destacou o artista.

Mas em meio a isso, Daniel ADR conseguiu aprovar alguns projetos na Lei Aldir Blanc e em outras leis de incentivo e foi a forma que ele conseguiu dar um gás na carreira. "Essa aprovação na Natura agora é de grande importância para a minha carreira. Eu já tinha tentado uma vez, mas não fui aprovado. Agora vou conseguir fazer meu álbum com dez faixas, alguns clipes e também algumas tiragens em vinil", comemora o artista.

O novo álbum do rapper tem o nome de “Black Christ”, que retrata a vivência do rapper, um jovem negro, gago e bissexual. Daniel também é beatmaker e produtor cultural, um dos organizadores da Batalha de São Braz.

A cantora e compositora Azunilateral também foi contemplada e diz que ficou surpresa por estar pouco tempo no cenário musical. Ela fará um álbum audiovisual intitulado "Nossas Tramas" e um documentário sobre o processo de produção (making off) inspirado nos textos da coletânea "Trama das Águas". O livro reúne contos, poesias e ilustrações de 57 autoras paraenses. "São muitos artistas tentando essa seleção e não conseguem", lamentou. 

Além do edital Natura Musical, no ano passado, a Natura expandiu sua atuação no mercado da economia criativa da região Amazônica com um investimento de R$ 3,3 milhões, o maior da história da marca, em três frentes: a Chamada Criativa, que selecionou projetos de diferentes áreas artísticas no Pará, a continuidade do Edital Natura Musical no estado e uma doação ao Fundo de Cultura. Todas as ações são frutos de uma parceria com a Secretaria de Cultura do Estado do Pará (via Lei Semear).

E dos projetos da Chamada Criativa está o Festival dos Rios, em Santarém. Um Festival multicultural, que tem a função de celebrar a cultura, ampliar vozes e riquezas culturais que estão às margens dos rios no oeste do Pará.

image Marlena Soares é criadora do Festival dos Rios

Marlena Soares, que é a criadora do Festival dos Rios, pretende promover o encontro de vários artistas da região com feira criativa, oficina, artesanato, gastronomia e todas estas manifestações feitas pela própria comunidade.

"Ter o incentivo da Natura é uma oportunidade gigante de ampliar o que tem de mais bonito na região que é o povo e as riquezas naturais. E trazer um ponto importante que é a ameaça dos rios, estamos vivendo neste momento uma ameaça de garimpo no rio Tapajós. Por isso, é importante trazer o debate para o festival com intuito de fortalecer a cultura, que é a chave para proteger os nossos territórios e nossa gente”, explicou Marlena.

 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱

Palavras-chave

Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA