Versos do Futebol

Por Carlos Fellip

O ritmo e as rimas do mundo poético que mora o futebol. Coluna assinada por Carlos Fellip, editor Executivo de O Liberal e jornalista formado há 10 anos, com experiência no jornalismo esportivo e de atualidades. Ganhou prêmio de Jornalismo do MPT e cobriu Seleção Brasileira em Belém.

Ambulante: quem realmente vive do futebol

Carlos Fellip

Pra muitos, um dia festivo
Tira-se ‘o manto’ do armário
O clima é todo esportivo
E também de muito trabalho

O pai se prepara com o filho
Com os amigos, horário marcado
Aquecem a voz, soltam o grito
‘Tá dois reais o churrasco de gato’

Quantas famílias estão ali?
Quantos guerreiros presentes?
Quantos produtos a consumir?
Poderia ser seu parente

Mas já é familiar ao esporte
Vende sua força ao espetáculo
Conta com a lábia e com a sorte
Ganha bem mais que uns trocados

É dia de feira na hora do jogo
Bola em campo é pra faturar
O ambulante representa o povo
Batalha, batalha, sem nunca parar

Versos do Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM VERSOS DO FUTEBOL