Carlos Ferreira

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Equipe do Grupo Liberal elege Seleção Paraense dos Anos 2000

Carlos Ferreira

Vinícius; Pikachu, Gino, Sérgio, Luiz Fernando; Vânderson, Sandro, Gian, Velber; Vandick e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Pikachu. Essa é a seleção paraense dos Anos 2000, eleita por jornalistas e radialistas esportivos do Grupo Liberal, em consulta da coluna. 

Esta enquete tem o simples propósito de promover debate entre todos sobre o tema. Uma questão de meritocracia entre os profissionais do nosso futebol nas duas primeiras décadas do século. Eis a seleção de cada um dos votantes:

IVO AMARAL: Favaro; Pikachu, Thiago Martins, Sérgio, Luiz Fernando; Serginho, Sandro, Gian, Iarley; Vandick e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Pikachu

AGRIPINO FURTADO: Marcão; Pikachu, Jorginho Baiano, Sérgio e Luis Fernando; Sandro, Velber, Eduardo Ramos, Magnum; Vandick e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira, craque: Pikachu

CARLOS FERREIRA: Favaro; Pikachu, Thiago Martins, Sérgio, Luiz Fernando; Vânderson, Sandro, Gian, Velber; Vandick e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Pikachu

SÉRGIO NORONHA: Vinicius; Pikachu, Gino, Sérgio e Luiz Fernando; Vanderson, Sandro, Alex Oliveira e Rogério Belém; Vandick e Valdomiro. Técnico: Givanildo Oliveira; Craque: Rogério Belém.

PIO NETO: Vinicius; Pikachu, Diego Barros, Sérgio e Luiz Fernando; Vanderson, Sandro,
Velber e Jobson; Rony e Robgol. Técnico Givanildo Oliveira. Craque: Sandro.

GUSTAVO PENA: Vinícius; Pikachu, Gino, Sérgio e Luiz Fernando; Sandro, Jobson, Gian e Vélber; Robinho e Robgol. Craque: Sandro. Técnico: Givanildo Oliveira

NILSON CORTINHAS: Alexandre Fávaro, Pikachu, Raul, Gino e Luiz Fernando; Vanderson, Sandro, Jóbson e Magnum; Rony e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Sandro

FERREIRA DA COSTA: Vinicius; Pikachu, Cametá, Sérgio, Luís Fernando; Sandro, Gian, Welber; Robgol, Robinho, Vandick. Tecnico: Givanildo Oliveira. Craque: Sandro

CARLOS FELLIP: Carlos Germano; Pikachu, André Dias, Sérgio e Luiz Fernando; Sandro, Jobson e Gian; Iarley, Vélber e Robgol. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Vélber

BRENO RAYOL: Vinícius; Pikachu, Gino, Sérgio e Luiz Fernando; Sandro, Gian, Vélber e Alex Oliveira; Robgol e Iarley. Técnico: Givanildo Oliveira. Craque: Pikachu

ABNER LUIZ: Vinícius, Pikachu, Sérgio, Gino e Luiz Fernando; Sandro, Rogerinho, Jobson e Velber; Iarley e Vandick. Craque: Pikachu Treinador: Givanildo Oliveira 

Pikachu, Sandro e Givanildo, as unanimidades

Além de terem sido os mais votados para craque dos Anos 2000, Pikachu e Sandro foram também os únicos jogadores eleitos por unanimidade na seleção deste século. Duas feras bicolores!

Sandro é goiano, fruto das categorias de base do Goiás. Encerrou a carreira em 2011. Veio para o futebol paraense trazido pela Tuna. Pikachu é fruto do futsal da Tuna. Chegou a jogar na base do futebol tunante e na base do Papão. Tornou-se profissional em 2012, brilhou com a camisa bicolor e agora, aos 28 anos, faz sucesso no Vasco.

O técnico Givanildo Oliveira foi outra unanimidade. Vitorioso no Papão e no Leão, em frequentes passagens pelos dois clubes, Giva tem a gratidão das duas torcidas e o reconhecimento da imprensa. Atualmente com 71 anos, ele vive a quarentena do coronavírus, em Olinda/PE, mas já está fora do futebol desde 2018. Seu último clube foi o Remo.

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!