Comissão da Câmara aprova convocação do ministro da Educação

Abraham Weintraub deve comparecer à Casa na próxima quarta-feira

Agência Brasil

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou hoje (4) a convocação do ministro da Educação, Abraham Weintraub. No total, o colegiado aprovou cinco requerimentos de convocação de deputados do PT, Psol, PSB e Podemos para que o ministro preste esclarecimentos aos parlamentares sobre declarações que deu.

A previsão é de que o ministro seja ouvido pelo colegiado às 10h da próxima quarta-feira (11). Ao contrário de pedidos de convite, os requerimentos de convocação por comissões do Congresso tornam obrigatório o comparecimento da pessoa requerida.

Entre os assuntos que ensejaram os requerimentos de convocação estão declarações dadas pelo ministro ao Jornal da Cidade Online, em 21 de novembro. Na ocasião, o ministro disse que existiam "extensas plantações de maconha" em universidades federais, além de “laboratórios de desenvolvimento de droga sintética”.

Outro requerimento pede explicações do ministro sobre ações como a divulgação do telefone da deputada Tábata Amaral (PDT-SP) e críticas a professores de universidades federais.

Caso o ministro não compareça e não apresente alguma jutificativa para a ausência, ele pode responder por crime de responsabilidade.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BRASIL