Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Assassino da jovem Eloá Pimentel tem pedido de semiaberto negado pelo STJ

Exame que constatou "transtorno de personalidade com presença de traços narcísicos e antissociais" foi determinante para a decisão

O pedido feito pela defesa de Lindemberg Alves Fernandes para que o réu cumprisse a pena em regime semiaberto foi negado pelo ministro Sebastião Reis Júnior, do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Ele foi condenado a mais de 39 anos de prisão por matar a tiros a ex-namorada, a adolescente de 15 anos, Eloá Pimentel, em outubro de 2008, em Santo André, no ABC Paulista.

O ministro alegou na decisão que um exame constatou "transtorno de personalidade com presença de traços narcísicos e antissociais, impulsividade elevada e pouca capacidade de afeto". A 6º Turma do tribunal deve decidir, no entanto, o julgamento ainda não tem data marcada. 

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL