Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Gravidez silenciosa: Entenda o que é, as causas e se é possível estar grávida sem sintomas

O caso de Klara Castanho trouxe à tona um tema pouco discutido mas que é muito comum nas gestações

Maiza Santos

É possível uma mulher estar grávida e só descobrir pouco tempo antes de dar a luz? Essa pergunta se tornou um dos maiores questionamentos nos últimos dias, após o caso de Klara Castanho ser divulgado na mídia. A atriz publicou uma carta aberta onde relata que foi vítima de estupro, engravidou e só descobriu quando estava no final da gestação. No entanto, a gravidez silenciosa não é tão rara quanto muitos pensam. Confira o que é, as causas e se é possível estar grávida sem sintomas.

VEJA MAIS

Klara Castanho engravida após estupro e desabafa sobre adoção do filho: "algo morreu em mim"
A quebra do silêncio veio após a Antonia Fontenelle noticiar a informação da ex-atriz mirim da Globo.

Aborto legal no Brasil: como ter acesso ao procedimento garantido por lei
O aborto é legalizado no país em três situações: gravidez decorrente de estupro, quando há risco de vida para a mulher e em caso se anencefalia do feto

Lei do aborto: veja o que o Código Penal do Brasil diz sobre o assunto
Entenda os desafios enfrentados por mulheres que se enquadram na lei

O que é a gravidez silenciosa?

Apesar de não existirem muitos dados para entender precisamente como ela ocorre, a gravidez silenciosa se desenvolve de maneira diferente em cada mulher. Apesar de ter o nome apontado que não há sintomas, ela não acontece dessa maneira. O que acredita-se é que a mulher não percebe as alterações no corpo e isso pode se dar por diversos fatores, como menstruação irregular ou traumas.

A mulher pode estar grávida e não ter sintomas?

Alguns ginecologistas apontam que as mulheres podem perceber a gestação a partir da sétima semana. Nesse período ocorrem mudanças no corpo e o surgimento de sintomas como:

  • enjoo
  • sonolência
  • aumento da frequência urinária
  • sensibilidade nas mamas

No entanto, ocorrem casos em que a mulher não reconhece esses sintomas de gravidez, pois eles também são frequentes no período pré-menstrual e gera a confusão. Em outros casos, os sintomas são muito leves e se apresentam apenas como um enjoo ou dor de cabeça, o que também provoca a não percepção da gravidez.

Quem pode ter gravidez silenciosa?

Mulheres mais jovens ou no período da pré-menopausa tendem a ter mais probabilidade de desenvolver esse tipo de gravidez. No primeiro caso isso acontece devido a “pouca consciência do próprio corpo”. Já no segundo, ocorre devido aos intervalos mais longos entre os ciclos menstruais e outros sintomas comuns de quem entrará no período da menopausa. Ainda há mulheres que se negam a admitir o que estão sentindo ou acham que estão com alguma doença, como gastrite, azia, intolerância à lactose.

O que causa a gravidez silenciosa?

Apesar de ainda não haver dados precisos, pacientes que passaram por algum trauma ou problemas psicológicos e emocionais também podem passar pelo problema de não assimilar a gestação e ter uma gradidez silenciosa. No caso de Klara Castanho, como ela foi vítima de um  estupro, o corpo pode ter tido dificuldade de entender a gestação. O corpo tenta “esquecer” do trauma e não apresenta sintomas de gestação.

É possível continuar menstruando durante a gravidez?

Apesar de ser um caso raro, mulheres apresentam sangramentos durante a gestação. No entanto, não é menstruação. Alguns casos se tratam de ameaça de abortamento ou a própria placenta, e isso faz a paciente achar que é o ciclo menstrual. Além disso, casos de descolamento do saco gestacional pode causar esses sangramentos que são confundidos pela mulher.

É possível a barriga da mulher não crescer durante a gravidez?

Em casos raros, alguns fatores podem explicar o motivo de mulheres formarem uma barriga pequena ou não terem barriga - como foi no caso de Klara Castanho - durante a gravidez. Isso acontece devido a genética, a tensão muscular e até a falta do pré-natal.

Algumas pacientes possuem naturalmente a musculatura abdominal muito tonificada, o que não deixa o útero ficar tão saliente. Além disso, mulheres que fizeram abdominoplastia também podem não ter muito volume da barriga durante a gestação.

Outra explicação é o próprio crescimento do bebê. Sem um pré-natal adequado, ele pode não se desenvolver da maneira ideal e não ter líquido amniótico suficiente. Tudo isso deixa a barriga pequena.

(Estagiária Maiza Santos, sob supervisão da editora Web de OLiberal.com, Heloá Canali)

 

Saúde
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!