Rainha das Rainhas: como está a vida hoje de quem já venceu o concurso

Priscyla Câmara Rosa e Bruna Pontes Nicolau da Costa contam sobre o que fazem atualmente, após a edição do concurso Rainha das Rainhas

Emanuele Corrêa
fonte

Ao longo de 74 anos de concurso do Rainhas das Rainhas do Carnaval paraense, muitas histórias foram contadas e modificadas com o concurso. Com a proximidade da 75ª edição do maior concurso de beleza do Norte e Nordeste, a equipe da Redação Integrada de O Liberal entrevistou a 3ª princesa do Rainhas de 2010, Priscyla Câmara Rosa e a Rainha das Rainhas de 2010, Bruna Pontes Nicolau da Costa, sobre o que fazem atualmente, após a edição do concurso.

A dentista Bruna Pontes Nicolau da Costa, 34 anos, tornou-se Rainha das Rainhas em 2010 pela Assembleia Paraense. Profissionalmente diz que trabalha com a odontologia estética do sorriso e face e que o concurso abriu possibilidades dentro da sua carreira. "Principalmente em relação à visibilidade perante a sociedade paraense. O Rainha das Rainhas atualmente é uma grande vitrine que abre caminhos e dá oportunidades de crescimento profissional em qualquer área em que a candidata tenha interesse em seguir", ponderou.

image Bruna Pontes, Rainha das Rainhas 2010 fala sobre a carreira. (Reprodução / Tereza Maciel)

A Rainha está feliz com a sua carreira na odontologia e complementa dizendo que a exposição do concurso e o prêmio, a bolsa de estudos, amplia as possibilidades do futuro, após terminar o reinado da Rainha das Rainhas. "Se for como uma influencer, a visibilidade é enorme graças à tradição do concurso aliada ao grande poder da internet e aos admiradores fiéis do concurso, que propagam o nome de suas candidatas favoritas. Quanto ao caminho profissional tradicional, a bolsa de estudos é um incentivo muito nobre da organização que além de gerar entretenimento com o concurso, também realiza um programa de incentivo à educação, proporcionando uma base muito sólida para uma carreira futura", destacou.

Bruna revela que é ativa nas redes sociais, e que sua principal atividade é focada na divulgação do seu trabalho, mas também compartilha sua vida pessoal. "Produzo muitos conteúdos informativos a respeito de procedimentos estéticos e funcionais, que ajudam no resgate da autoestima e autoconfiança dos pacientes que buscam investir em sua beleza", disse.

Priscyla Câmara Rosa é cirurgiã dentista e estudante de medicina. Em 2010 se tornou a 3ª Princesa pelo Clube do Remo. Após o concurso muita coisa mudou, conta. No ano em que concorreu já era formada em nutrição pela Universidade Federal do Pará. E por meio do concurso conquistou uma bolsa de estudos. "Já era formada em Nutrição pela UFPA e Educação física pela UEPa, e através do concurso ganhei uma bolsa de estudos integral na Esamaz, como um dos prêmios. Depois, fiz a prova e passei no vestibular para odontologia que cursei com minha bolsa integral", contou.

image Priscyla Câmara fala sobre a sua profissão e projetos. (Reprodução / Mathes Brandão)

A cirurgiã também utiliza as redes sociais para falar da sua profissão. "Sou extremamente ativa nas redes sociais. Além da minha vida pessoal, falo bastante sobre harmonização orofacial. Produzo conteúdos sobre o meu dia-dia na clínica e na faculdade de Medicina, que estou cursando atualmente. Falo muito sobre Rinomodelação Avançada (o procedimento em que sou referência) e vários outros procedimentos da harmonização, voltados para embelezar e elevar a autoestima dos meus pacientes", arguiu.

A Rainha e Princesa de 2010 estão empolgadas com a volta do concurso e, desde já, desejam um reinado para quem vencer a edição de 2023. "Estava com saudades já. Foram alguns anos sem concurso e como fã que sou, estava sentindo falta. Eu sempre acompanho o concurso, analiso as candidatas, busco saber sobre tudo que envolve os bastidores do concurso também. Desejo que o retorno do Rainha das Rainhas seja incrível e que todas as candidatas saibam aproveitar a oportunidade que é única. Eu estarei lá esse ano com certeza prestigiando o concurso", comentou Bruna.

"Estou super empolgada. Estava com saudades da magia e emoção que o concurso transmite. Eu sempre acompanhei desde pequena com a minha mãe o Rainhas, pois ele é uma tradição paraense, e sem dúvidas é o concurso mais conhecido no nosso Estado. Foi uma honra fazer parte da história do Rainhas, e esta lembrança sempre será única e inesquecível na minha vida", completou Priscyla.

O Rainha das Rainhas 2023 acontece dia 11 de fevereiro, no Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, com transmissão pelos veículos do Grupo Liberal: TV Liberal, Jornal O Liberal, Portal O Liberal, Rádio O Liberal e redes sociais do grupo e também com ingressos a venda para assistir no local do evento. Pelo portal oliberal.com , o público poderá acompanhar os bastidores e os preparativos das candidatas horas antes da grande final.

 

Serviço

Evento: Rainha das Rainhas

Data: 11 de fevereiro, sábado.

Transmissão: TV Liberal

Cobertura dos preparativos: TV Liberal, portal oliberal.com, jornal O Liberal, rádio Liberal FM, 97.5

Redes sociais: @oliberal no Instagram

Rainhas
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!