Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Mandato-tampão: Paulo Dantas é eleito governador de Alagoas

Decisão foi tomada pela Assembleia Legislativa do Estado, durante eleição indireta. José Wanderley Neto foi eleito vice-governador

O Liberal

A chapa encabeçada pelo deputado estadual Paulo Dantas (MDB), e que tinha o médico José Wanderley Neto como candidato à vice, foi escolhida para governar Alagoas, durante eleição indireta realizada pela Assembleia Legislativa do Estado. O novo governador conquistou 21 votos, alcançando mais da metade dos votos dos membros do Legislativo Estadual (27 parlamentares). Ele teve o apoio do senador Renan Calheiros (MDB). As informações são do G1 Alagoas.

Foi necessária uma eleição indireta porque, em abril deste ano o então governador Renan Filho (MDB) renunciou ao cargo para disputar uma vaga ao Senado nas eleições de outubro. Quem deveria assumir o Executivo era o vice-governador, Luciano Barbosa (MDB), que já tinha deixado o governo antes, quando foi eleito prefeito de Arapiraca.

O segundo na linha de sucessão seria o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Marcelo Victor (MDB), mas ele abriu mão de assumir o Executivo porque será candidato à reeleição. Assim, coube ao presidente do Tribunal de Justiça (TJ-AL), o desembargador Klever Loureiro, tomar posse como governador interino.

Eleitos pelos deputados estaduais, os novos governador e vice vão exercer um mandato-tampão, válido até o dia 31 de dezembro de 2022. Paulo Dantas afirma que a atual gestão vai dar continuidade ao que já foi feito. “Tenho certeza que o governo de Alagoas está preparado. Nunca foi feito tanto, nunca se investiu tantos recursos, mas temos que investir em áreas também como turismo, para conseguirmos mais empregos”, declarou, após a votação.

A eleição aconteceu sub judice, porque tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) uma ação movida pelo PP, partido do presidente da Câmara, Arthur Lira, que questiona as regras da eleição.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA