Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Princípio de incêndio atinge base de atendimento do Samu em Belém

Apesar do transtorno, os serviços de atendimento não pararam na capital

Caio Oliveira

Um princípio de incêndio foi registrado na manhã desta quinta-feira, 25, na base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192), no bairro de Fátima, em Belém. O incêndio começou na rede elétrica, no registro que fica na frente do prédio, o que fez com que a unidade ficasse sem energia e atrapalhou momentaneamente os atendimentos de urgência e emergência na capital paraense.

Em imagens que foram compartilhadas nas redes, é possível ver os socorristas correndo do prédio tomado pela fumaça. O caso foi por volta das 10h. No meio da manhã, profissionais tentavam atender aos chamados de socorro usando os celulares e equipamentos de comunicação nas ambulâncias, enquanto buscavam outras bases fixas para coordenador as operações

"Nossa ambulâncias são equipadas com celulares e GPS, e estamos fazendo de tudo aqui para continuar os atendimentos", disse Mariana Lopes, enfermeira supervisora do plantão no SAMU que estava no local no momento do incidente. Segundo os socorristas, um curto-circuito teria causado o princípio de incêndio.

O Corpo de Bombeiros foi ao local e ajudou a controlar o foco de incêndio. Em seguida, profissionais da Equatorial Energia estiveram no local para consertar o equipamento e restabelecer a energia elétrica. A base, que fica na avenida Francisco Caldeira Castelo Branco, não foi atingida pelo fogo e não houve feridos. Contudo, o cheiro de fumaça ainda era muito forte dentro da base até o final da manhã, e parte dos profissionais do setor não essencial foi dispensada. 

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA