No Pará, quase 6 mil crianças não receberam o nome do pai em 2022

No Pará, só até junho deste ano, 5.116 crianças foram registradas sem o nome do pai na certidão de nascimento. Para o médico José Gabriel Paixão, de 34 anos, pai da Joana, de dois anos e meio, e do Pedro Inácio, de apenas três semanas de vida, esses números retratam uma situação desoladora, desfavorável tanto para as crianças, como para todas as famílias.

Especiais