Santarém inicia força tarefa contra o Aedes Aegypti

Mais de 2 mil residências devem ser visitadas por agentes da prefeitura

Redação Integrada com informações da Agência Santarém

Em meio ao período de quarentena em virtude da pandemia do novo coronavírus, Santarém se protege de outras ameaças à saúde da população, dengue, a chikungunya e ao zika vírus. Para isso, a prefeitura iniciou forta tarefa para o combate ao mosquito Aedes Aegypti.

Cerca de 2.113 imóveis devem ser visitados pelos agentes da secretaria de saúde local. O primeiro bairro a receber ações foi o Matinha.

Entre 1 de janeiro e 19 de março, centenas de notificações foram feitas, com a confirmação de mais de 70 casos engue, a chikungunya ou zika vírus. 

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM PARÁ