Startup 100% paraense lança 1º aplicativo de compartilhamento de livros do Brasil

Aplicativo possibilita a troca de livros e a interação entre os usuários

Conteúdo sob responsabilidade do anunciante
fonte

Neste mês de dezembro foi lançado o LeR, acrônimo para Livros e Rostos, o primeiro aplicativo de compartilhamento de livros do Brasil, que já está disponível nas versões IOS e Android, e contabiliza mais de 200 livros gratuitos disponibilizados pelos usuários, em menos de uma semana. O software é uma mistura de plataforma de gestão com rede social, sendo totalmente focada em livros e a rede social em pessoas, formando uma espécie de rede colaborativa. 

Ao acessar o aplicativo, o usuário é convidado a cadastrar um ou mais livros do qual ele possa se desfazer para doar para outras pessoas. Como retorno, ele terá acesso a uma infinidade de livros que a massa de usuários dentro do aplicativo também disponibilizará, podendo assim buscar e escolher o livro de sua preferência e contactar-se ao usuário e assim prosseguir para que se e seja feito o repasse do livro . São novas amizades através da leitura.

O CEO do novo empreendimento com modelo de negócios inédito, Aldo Alves destaca a facilidade do LeR: “Como todo bom aplicativo, o LeR também é intuitivo e te diz o que fazer, desde o cadastro até a conexão com novos amigos e o repasse de livros”, destaca.

VEJA MAIS

image 3 dicas para abrir uma franquia de forma segura
Saiba o que avaliar antes de montar uma franquia e como realizar esse processo de forma criteriosa

image Conheça os tipos de sociedade empresarial e como abrir seu negócio
Orientação jurídica ajuda na escolha do modelo de sociedade e no cumprimento da legislação nas empresas

O aplicativo também está aberto a empresas e instituições de ensino: “Imagina, por exemplo, uma escola ou universidade, onde os alunos têm acesso a todo o acervo de sua biblioteca e pode reservar os livros que queira via aplicativo e obedecendo as regras de cada instituição de ensino. Que a instituição tenha total gestão sobre seu acervo e mais: que ela tenha informações estatísticas dos livros mais procurados, dos mais alugados e dos mais bem avaliados.”, complementa Aldo Alves.

A primeira empresa a apoiar e ser parceira do LeR foi a Xerfan Advocacia S/S. Por meio do seu escritório de advocacia, o CEO Roberto Xerfan Jr. já tem uma série de livros jurídicos disponíveis para coleta e devolução dos usuários interessados: “Avaliamos essa iniciativa tecnológica como transformadora para todos os segmentos e, principalmente o jurídico, pois a leitura é algo indispensável na nossa esfera. Agora alunos de direito e demais pessoas podem reservar nossos livros de graça para ler no conforto de sua casa. E ainda podem conhecer o escritório e nossos serviços”.

O aplicativo também já tem parcerias com cafeterias, academias e agências de marketing digital, todas investindo na leitura para atrair usuários e clientes.

Aldo Alves também coloca como iniciativa tecnológica inédita para o poder público: “Todas as bibliotecas de uma determinada esfera pública, podem estar conectadas e todos podem ter acesso a elas e reservarem os livros, além de todas as bibliotecas de escolas públicas também. Aliás os alunos das escolas públicas serão os grandes beneficiados, pois não precisam disponibilizar livros para doação e contam com um novo e imenso acervo à sua disposição.”

Para baixar e instalar o LeR, basta ir em clique aqui.

Xerfan Advocacia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!