Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Conflitos em condomínio: 6 vantagens de resolver problemas extrajudicialmente

Resolução de conflitos ocorre de forma mais ágil quando não possui teor jurídico

Ana Paula Gama

Morar em condomínio envolve várias questões que, muitas vezes, podem causar incômodos, como conflitos entre os vizinhos por causa de excesso de barulho, utilização inadequada da vaga de garagem e da área de lazer. Para resolver esses problemas de maneira extrajudicial, é fundamental que o síndico atue como pacificador dos conflitos e garanta que as regras dispostas em convenção e regimento interno sejam cumpridas.

Segundo a Associação Brasileira de Síndicos e Condomínios (ABRASCOND), mais de 68 milhões de pessoas moram em condomínios no Brasil, que são administrados por 421 mil síndicos e quase 20 mil desses profissionais estão localizados na região norte do País.

Para a advogada especialista em direito condominial, Siglia Azevedo, os conflitos entre os moradores devem ser resolvidos na justiça em último caso (Arquivo pessoal)

Desta maneira, a atuação do advogado especialista em direito condominial tem se tornado indispensável para a administração eficiente do condomínio. De acordo com a advogada Siglia Azevedo, quando todas as vias administrativas do condomínio já se esgotaram e não resolveram os conflitos, o advogado condominial deve entrar com a notificação extrajudicial para que ocorra a adequação às normas.

“Assim como pode atuar com técnicas de mediação para esses conflitos, tendo uma resolução muito mais rápida e efetiva”, explica a advogada.

A seguir, veja 6 vantagens de resolver esses conflitos extrajudicialmente:

1. Agilidade na resolução do conflito;

2. Não depende de decisão judicial;

3. Não precisa passar por processos judiciais longos;

4. Diminui a frustração do condômino aguardar pela solução do conflito de maneira muito demorada;

5. Restabelece o convívio social;

6.  Não há desgaste físico, psicológico e financeiro.

VEJA  MAIS

5 dicas para lidar com a inadimplência no condomínio
O primeiro passo para lidar com a falta de pagamento da taxa condominial é entender o que a lei estabelece sobre o assunto

A função do advogado condominial é principalmente prevenir os conflitos entre os condôminos e a ausência desse profissional faz com que os riscos de problemas aumentem. Clique aqui e tire suas dúvidas sobre desentendimentos em condomínio.

 

Siglia Azevedo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!