Parque Aquático da UEPA reabre após três anos desativado

A festa tem apresentação das modalidades de saltos ornamentais e polo aquático

Redação Integrada

O Parque Aquático da Universidade do Estado do Pará (Uepa) depois de três anos desativado, onde passou por situação de total abandono, será reaberto nesta segunda-feira (10), às 9h, em cerimônia presidida pelo governador Helder Barbalho e também pelo reitor da Uepa, Rubens Cardoso.

O parque, palco de grandes competições regionais, nacionais e internacionais, integra o complexo esportivo do Campus III da UEPA, na Av. João Paulo II.

A programação, marca o início do ano letivo 2020, contará com demonstrações de polo aquático e de saltos ornamentais com os atletas paraenses Kaik Souza e José Wilker Nascimento, medalhistas do Troféu Brasil de Saltos Ornamentais, e Yan Campelo, campeão Brasileiro Juvenil em 2016.

Desde 2017 os espaços do parque passaram por reforma nas estruturas. Foram feitas impermeabilização das paredes e troca do revestimento das piscinas, além da troca de toda parte elétrica, tubulações e filtros, e das bombas da casa de máquinas, que teve a capacidade renovada. Ainda foram recuperados os trampolins e restauradas as canaletas e o deck no entorno das piscinas.

 O prédio que abriga o Campus III também recebeu uma pintura geral. O total do investimento feito pela Universidade é de mais de R$ 2,4 milhões.

As novas piscinas atenderão cerca de 1.500 alunos durante as aulas práticas de natação e polo aquático, do Curso de Educação Física da Uepa, além de crianças, adolescentes e idosos que participam dos projetos em convênio com as Secretarias de Estado de Esporte e Lazer (Seel) e de Educação (Seduc), e Municipal de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel). Também farão uso do novo parque aquático os atletas e equipes que representam o Pará em competições nacionais e internacionais, bem como servidores da segurança pública, que passam por curso formação e treinamentos.

A partir de março, serão oferecidas atividades esportivas à população, por meio do Laboratório de Atividades Aquáticas (Laaca). Entre as modalidades ofertadas estão saltos ornamentais, natação, nado sincronizado, polo aquático e hidroginástica.

O coordenador do Curso de Educação Física da Uepa, Moisés Santa Rosa, conta que o retorno das atividades do Parque Aquático é fundamental para a natação de Belém e do Pará, pois é uma referência por ser um parque construído dentro dos padrões e dimensões olímpicas, que atenderá não somente atletas para competições locais, nacionais e internacionais, mas a comunidade.

"A UEPA fomenta o esporte e, além de proporcionar a atividade física, revela muitos talentos porque trabalhamos com iniciação esportiva. Então, se durante essa fase de aprendizado, um aluno se destacar e quiser enveredar por um processo de formação para ser atleta, tem todo suporte técnico e científico para fazer isso”, disse.

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES