Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Amazônia foi tema de novela que tentou repetir sucesso de ‘Pantanal’ na década de 90; assista

A trama, porém, não conseguiu manter o êxito de audiência, e é considerada um dos maiores fracassos da TV

Fernando Assunção

O remake de Pantanal da TV Globo conseguiu repetir o sucesso estrondoso da primeira versão da novela, de 1990. À época, o formato deu tão certo, que a extinta Rede Manchete decidiu apostar em uma temática parecida, que também explorava as belezas naturais do Brasil. Dessa vez, a Região Norte foi a escolhida. 

VEJA MAIS

‘Pantanal’: último capítulo traz de volta atores da versão original de 1990; saiba quem
Juma, Tibério, Zefa e Madeleine da primeira versão estarão no final da novela

‘Pantanal’: novela já teve remake humorístico na TV Pirata ainda em 1990; assista
Quem acha que a versão da Globo é a primeira releitura de sucesso, se enganou

‘Pantanal’: assista à novela completa de 1990, confira onde passava e o que mudou na versão da Globo
A versão atual é adaptada para os dias de hoje, mas carrega muita influência da trama original; compare

Exibida entre os anos de 1991 e 1992, “Amazônia” foi a substituta da sucessora de “Pantanal”, o outro sucesso “A História de Ana Raio e Zé Trovão”. Mas, apesar do time de grandes atores escalados, a trama não conseguiu manter o êxito de audiência das suas antecessoras e foi considerada um dos maiores fracassos da história da televisão brasileira.

Assista à abertura de 'Amazônia'

Escrita por Jorge Duran e Denise Bandeira, “Amazônia” resgatou astros de “Pantanal” para os papéis centrais, como Marcos Palmeira (o Tadeu da trama de Benedito Ruy Barbosa), Cristiana Oliveira (a Juma), Jussara Freire (a Filó), José de Abreu (o médico Gustavo) e Antônio Petrin (o Tenório), além de nomes como Júlia Lemmertz e Leonardo Villar.

Com roteiro complexo, a história se passava em duas épocas diferentes: final do século 19 e início do século 21.  No futuro, Milla, uma jovem jornalista que troca o Rio de Janeiro por Manaus em busca de aventura, se envolve com Lúcio, trambiqueiro do Porto de Manaus (AM). É aí que o tempo se cruza com 1899, com a região dominada pela exploração dos seringais amazônicos.

É lá, no passado, que Lúcio se reconhece como Caio, filho do todo-poderoso Comendador Mangabeira, e noivo da doce Maria Luiza, filha do comerciante Sr. Peçanha, duas famílias enriquecidas pela borracha.

Veja a chamada de estreia de 'Amazônia'

A Manchete investiu numa forte campanha para a novela, porém a estreia não agradou. Visto pelos críticos como frustrante, o capítulo foi comparado a um longa-metragem, devido à grande duração e com poucos intervalos. Além disso, a audiência também foi mal, ocupando o terceiro lugar no Ibope.

A expectativa era que a audiência aumentasse ao longo dos capítulos, porém caiu mais ainda. Em uma tentativa de salvar a novela, a Manchete encerrou a história original. No dia 4 de fevereiro de 1992 entrou no ar a segunda parte da história, intitulada "Amazônia Parte 2", suprimindo a trama futurista e focando só no passado.

Mas, apesar dos esforços e das mudanças nas equipes de direção, a audiência caiu ainda mais, houve reclamações de atores que denunciavam um suposto boicote encabeçado por emissoras maiores e novela saiu do ar em junho de 1992 como um dos maiores fracassos da emissora.

Que horas começa ‘Pantanal’ hoje?

A novela “Pantanal” é exibida na TV aberta pela Rede Globo. A transmissão começa às 21 horas e 30 minutos (horário de Brasília), logo após o Jornal Nacional. Também é possível assistir a telenovela de forma online, através da plataforma de streaming Globoplay.

Quem é quem no remake de ‘Pantanal’?

A novela foi ao ar, originalmente, em 1990 na TV Manchete. A trama se manteve e é dividida em duas fases. Na primeira versão, na fase jovem, o protagonista da trama, José Leôncio, era interpretado pelo ator Paulo Gorgulho. Agora, no remake, ficou com Renato Góes. Na fase adulta, na versão de 1990, o papel era de Cláudio Marzo, agora, é de Marcos Palmeira.

O personagem místico Velho do Rio ficou a cargo de Osmar Prado. Na primeira versão, ele foi interpretado por Cláudio Marzo.

O par romântico Juma e Jove, desta vez, é interpretado por Alanis Guillen e Jesuíta Barbosa. Na primeira versão, os personagens eram de Cristiana Oliveira e Marcos Winter. Já a mãe de Juma, Maria Marruá, foi interpretada por Cássia Kis na primeira versão. Na nova, Juliana Paes assumiu o papel.

Quando foi a novela antiga de ‘Pantanal’?

A trama foi escrita por Benedito Ruy Barbosa e transmitida pela TV Manchete, há 32 anos.

Novela
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA