Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Exclusivo: Suzana Pires fala sobre a sua carreira e projeto que ajuda mulheres a empreender

Profissional tem um instituto e escreveu um livro que trata do empreendedorismos de forma prática e efetiva

Bruna Dias

Quem conhece Suzana Pires, 45 anos, nas telinhas e telonas não sabe a força que ela tem. Aos 15 anos dando seus passos como atriz e aos 25 anos iniciando a vida como autora, ela constituiu uma rede ao seu redor indescritível. Além de ser a única atriz e autora titular na televisão brasileira, ela é bacharela em Filosofia e pura representatividade.

“O que me possibilitou ter as duas carreiras é que eu tinha uma dedicação 100%, foi uma escolha minha, não deu tempo de ter filhos e fazer um monte de coisas pessoais, mas também foi uma escolha e escolha é a nossa liberdade”, disse Suzana.

A artista conversou com oliberal.com e contou um pouco sobre os seus novos projetos.

Com mais de 20 anos de Globo, agora ela viverá uma vilã em uma produção da Disney+, com poderes que saem das mãos, como ela mesmo adiantou, Suzana será Bruma em “A Magia de Aruna”, a primeira série original brasileira da plataforma. Ela será exibida para mais de 190 países.

“Com a entrada do streaming mudou o mercado para os artistas e para melhor”, avaliou Suzana. “Chega uma hora que você já fez tanto que pode escolher, no meu caso foi porque eu precisava de coisas mais curtas como atriz para dar conta também da autora. Então hoje, eu tenho projetos no streamings que eu posso me dedicar, porque eu tenho trabalhos como atriz também, mas que são impactante quanto você estar em uma novela”, acrescentou.

Foram mais de 70 papéis interpretados ao longo da sua estrada, agora ela trabalha o livro “Dona de Si”. A obra é resultado de um projeto iniciado por Suzana há quase 5 anos, que também é resultado de uma coluna.

Em 2017, Suzana escrevia uma coluna on line em uma revista feminina, que abordava sobre relacionamento, moda e beleza tinham uma ampla abordagem, a partir daí ela criou a coluna “Dona de Si”, que tinha como base o empreendedorismo feminino de uma forma mais efetiva.

Com isso ela consegui, com o suporte de uma equipe, mapear as maiores barreiras enfrentadas por mulheres, para que de fato elas se tornassem donas dos seus caminhos. Disso surgiu o Instituto Dona de Si, que é um alavancador de talentos femininos em todos os setores da economia.

O resultado positivo do Instituído resultou em um livro, que tem o mesmo nome.

Atualmente, são mais de 200 bolsistas em seu curso digital, com mais de 1000 mulheres atingidas diretamente, além de ter impactado mais de 2 milhões de mulheres, desde a primeira leitura da coluna até hoje.

“Ver os cases de sucesso, mulheres que ultrapassaram os seus próprios desafios e superaram as suas limitações, é o resultado desse trabalho. Tem vários ramos que hoje eu olho e falo: ‘gente é isso, era só isso, na verdade’”, contou Suzana.

A artista disse ainda que nesse processo esbarra com muitas mulheres com problemas psiquiátricos e que vivem violências domésticas, que são atendidas por uma equipe capacidade dentro do Instituto, para poderem iniciar a caminhada ao empreendedorismo.

“Eu estou fazendo isso porque dor primeira foi minha e hoje não me sinto mais sozinha, eu vibro muito com esse trabalho, para mim, internamente, para minha alma, é uma dedicação imensa, com um equipe muito boa”, finalizou.

O livro “Dona de Si” também tem as etapas realizadas no Instituto para o processo de empreender, mas claro, tudo didaticamente explicado nessa obra.

 

 

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA