Patricia Marx, ex-Trem da Alegria, se assume lésbica

A artista compartilhou uma foto com a namorada

Redação Integrada

Aos 46 anos, Patrícia Marx fez um anúncio em homenagem ao Dia do Orgulho LGBTQI+, em seu Instagram. A ex-integrante do grupo musical infantil da década de 1980, Trem da Alegria, se assumiu lésbica. “Sou gay com muito orgulho”, escreveu.

Nos curta no Facebook para acessar as principais notícias do dia, lives e promoções. Clique aqui.

Na publicação, Patrícia mostra sua namorada, identificada apenas como Renata. Ela compartilhou um trecho da música “É de Chocolate”, de seu antigo grupo: “Por detrás do arco-íris, além do horizonte, há um mundo encantado feito pra você”.

Confira a publicação:

Celebridades
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM CULTURA