Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

REPÓRTER 70

twitter.com/reporter_70

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil.

'Vou me pautar sem qualquer preconceito político, ideológico e muito menos religioso', diz senadora

Foi o que disse, ontem, a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), que atuará como relatora da sabatina de André Mendonça, ex-ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para a vaga de ministro do STF

Repórter 70

Fofura na maternidade
O nascimento de um “superbebê” com sete quilos, na Santa Casa do Pará, em Belém, virou notícia em diversos sites do Brasil.

Saúde pública
Bragança é mais uma cidade paraense a cancelar o Réveillon e o Carnaval de 2022. Motivo: o possível avanço da covid-19.

Eliziane Gama (J.)

"Vou me pautar sem qualquer preconceito político, ideológico e muito menos religioso. O que importa é o currículo e a capacidade técnica do indicado.”

Foi o que disse, ontem, a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), que atuará como relatora da sabatina de André Mendonça, ex-ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para a vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal. A sabatina de Mendonça, que é evangélico, será amanhã, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

SIMÃO JATENE

Saída

O ex-governador do Pará Simão Jatene deixará o PSDB, partido que ajudou a fundar e pelo qual se elegeu governador do Estado por três vezes. A coluna apurou que o anúncio de desfiliação será feito ainda hoje em sua conta pessoal nas redes sociais. O vídeo com as razões da saída seria gravado ontem à noite.

Crise

A saída de Jatene do PSDB marca o auge de uma crise partidária que se estende desde o ano passado, quando parte da bancada tucana na Assembleia Legislativa do Pará votou pela reprovação das contas do governo tucano referentes ao exercício de 2018, dificultando uma possível candidatura de Jatene ao governo ou ao Senado no ano que vem. Depois, a bancada tucana anunciou apoio formal ao governo Helder Barbalho (MDB), principal adversário de Jatene, aumentando ainda mais o racha.
 
Prévias

A crise atingiu o seu ápice com as prévias do PSDB, vencidas pelo governador de São Paulo, João Doria. Após o anúncio do resultado, o grupo capitaneado por Jatene começou a arrumar as malas para deixar a legenda. Jatene fez campanha para o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, que ficou em segundo lugar. Além de Jatene, devem deixar a legenda, de imediato, outros militantes tucanos como o presidente da Juventude do PSDB, Pablo Alves. O ex-senador Fernando Flexa Ribeiro não descartou seguir o mesmo caminho, mas afirmou que não tomará a decisão “no calor da refrega”.

Incerteza

O destino político de Jatene ainda é incerto, mas uma das apostas é de que ele se filie ao PSD, partido que, no Pará, é presidido pelo ex-vice-governador Helenilson Pontes. Nos últimos meses, Jatene foi visto ao lado de Pontes em locais públicos e ambos chegaram a compartilhar as fotos nas redes sociais.

PCdoB

Desembarque

A ex-governadora Ana Júlia Carepa também vai trocar de legenda. Ela estava filiada ao PCdoB e assinou a carta de desfiliação na última quinta-feira, 25. Na sexta-feira, 26, o documento foi protocolado junto ao diretório estadual do partido. A expectativa é de que nos próximos dias, Ana Júlia anuncie a filiação ao PT, legenda pela qual foi eleita governadora do Pará.

Missão

A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, é esperada nesta sexta-feira, 3, em Belém. Mas não vem para assinar a ficha de filiação de Ana Júlia. Hoffmann desembarcará em uma espécie de viagem preparatória para uma possível visita do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Estado. A missão dela é pacificar os ânimos, já que a legenda está dividida e o motivo é a definição da futura candidatura ao Senado pelo Pará no ano que vem. O atual senador Paulo Rocha quer disputar a reeleição, mas o deputado federal Beto Faro busca ser o indicado do partido para o cargo.

CARNAVAL 2022

Belém

O prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (PSol), vai rever a decisão de realizar o Carnaval do ano que vem. Na última quinta-feira, após reunião com dirigentes das agremiações carnavalescas, o prefeito chegou a confirmar a realização dos desfiles. Mas o surgimento de uma nova variante do coronavírus deve provocar uma mudança de planos. Porém, antes de confirmar a possível suspensão do Carnaval, Edmilson quer ouvir especialistas. “O prefeito deve levar em consideração o grande potencial que uma festa popular como o Carnaval teria para a sua disseminação (da covid-19), sobretudo, porque pouco se sabe ainda sobre o comportamento dessa variante”, informou uma fonte da Prefeitura de Belém à coluna.

HIV/ Aids

Avanço

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, ontem, um novo tratamento contra o vírus HIV que reúne duas substâncias em único comprimido. “A aprovação representa um avanço no tratamento das pessoas portadoras do vírus que causa a Aids, já que reúne em uma dose diária dois antirretrovirais que não estavam disponíveis em um só comprimido. A possibilidade de doses únicas simplifica o tratamento e a adesão dos pacientes”, afirma a nota da Anvisa.

EM POUCAS LINHAS

► A cantora Anitta desembarcou ontem, em Belém, quase de surpresa, para a gravação de um videoclipe e parou a cidade.

► Ao lado do DJ Pedro Sampaio, a cantora fez gravações na feira do Ver-o-Peso e também na Vila da Barca, no bairro do Telégrafo.

► A influenciadora digital Rayana Correa, nova colaboradora do Grupo Liberal, acompanhou os bastidores das gravações e arrancou elogios pela capacidade de improviso.

► O fotógrafo Cristino Martins, que também integra o Grupo Liberal, registrou a presença de Anitta no Ver-o Peso. E as fotos dele correram o mundo.

► A embaixadora da França no Brasil, Brigitte Collet, e o cônsul honorário da França em Belém, Sérgio Galvão, homenagearam a Polícia Militar do Pará e o coronel Dilson Júnior, comandante-geral da corporação.

► A homenagem foi em agradecimento à ação da PM no resgate de dois idosos franceses que, em visita a familiares no Pará, ficaram “ilhados” por causa das restrições aos deslocamentos intermunicipais.

► Um deles é cardíaco e estava na Ilha de Algodoal. O outro, tetraplégico, se encontrava em Castanhal. Em um trabalho de logística para cumprir as medidas sanitárias, os franceses foram resgatados e acompanhados por agentes da PM, de onde estavam, até o Aeroporto Internacional de Belém, e conseguiram retornar para a França.

► Amanhã, a Câmara Municipal de Ananindeua votará o projeto de lei que prevê a mudança na denominação da Estrada do Guajará para a avenida “Professor Amintas Pinheiro”, no bairro do Icuí-Guajará.

► A proposta é do vereador Aurélio Rodrigues (Republicanos) que quer prestar uma homenagem ao professor morto durante um assalto em fevereiro do ano passado.

► Representantes do Sindicato da Indústria de Construção do Pará participam, hoje, do 93º Encontro Nacional da Indústria da Construção,  em Brasília.

Palavras-chave

Repórter 70
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!