Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

REPÓRTER 70

twitter.com/reporter_70

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil.

'Todas as ditaduras são precedidas por campanhas de desarmamento', afirma Bolsonaro

Presidente propôs projeto para estender o prazo de recadastramento de armas

Repórter 70

Mais sustentabilidade
Ateliê sustentável diverte crianças em tratamento no Hospital Oncológico Infantil. O espaço promove atividades lúdicas.

Cultura literária
Projeto incentiva o hábito da leitura em alunos da rede estadual. Iniciativa estimula o conhecimento de obras clássicas.

(J.Bosco)

"Todas as ditaduras são precedidas por campanhas de desarmamento"

JAIR BOLSONARO, ao afirmar que pretende propor projeto para estender o prazo de recadastramento de armas não regularizadas no Brasil. Segundo o presidente da República, “nosso governo não quer saber de campanha de desarmamento”.

VACINAÇÃO

MAIS TRANQUILA

Depois de uma quarta-feira de caos, com filas enormes, aglomeração e até falta de insumos como seringas, ontem foi bem mais tranquilo em Belém. Apesar das filas, o atendimento transcorreu rápido em toda a capital, sem incidentes. Ontem foram chamadas para se vacinar as pessoas nascidas entre 1962 e 1973. Hoje serão os professores do ensino médio e superior.

SEM AUMENTO      

VALE-ALIMENTAÇÃO

Parecer do Tribunal de Contas dos Municípios obrigou o município de Belém a recuar na decisão de reajustar o vale-alimentação dos servidores. Este passaria de R$ 270 para R$ 370. O parecer do TCM leva em conta a lei federal que impede, pelo menos até 31 de dezembro de 2021, a concessão e ou revisão de benefícios que gerem aumento de despesas à administração pública. Com isso, a prefeitura prometeu fazer a reposição a partir de janeiro do ano que vem.

REPOSIÇÃO

Durante reunião com representantes de servidores, a prefeitura prometeu também que, a partir do ano que vem, vai reajustar o vale-alimentação em 37%, além de fazer o realinhamento progressivo dos vencimentos-base que estejam abaixo do salário mínimo. A expectativa é começar com reposição de perdas em torno de 10% já em janeiro.

COVID-19

INFORMAÇÕES

Pesquisa divulgada ontem pela Fundação Oswaldo Cruz revela que, de modo geral, o brasileiro tem se esforçado para fugir da avalanche de fake news que colocam vidas em risco. Entre as pessoas ouvidas pela Fiocruz, 83,4% disseram ter o hábito de checar informações que recebem sobre a covid-19, sendo que 79,5% dos entrevistados afirmaram procurar ativamente por informações. Apenas 7,1% dizem buscar informações “só às vezes”, e 9,6% admitiram não conferir a veracidade das informações que recebem.

CIÊNCIA

Outro dado da pesquisa mostra que 97,3% dos entrevistados acreditam que a ciência encontrará a cura para a covid-19. As pessoas se dividem, contudo, em relação ao tempo para a chegada da solução definitiva contra a pandemia. Para 45,3% a ciência dará uma resposta “logo”; enquanto 52,0% acham que ainda vai demorar. Por outro lado, apenas 2,6% disseram não acreditar que os cientistas encontrarão solução para a pandemia. A Fiocruz realizou 1.734 entrevistas. O nível de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro é de 2,8 pontos percentuais para mais ou para menos.

NÚMEROS

PRESTÍGIO

Nos 110 anos da Assembleia de Deus, alguns números impressionam. Atualmente são 540 templos apenas na Região Metropolitana de Belém. Em todo o Estado, mais de 4,8 mil unidades e, no País, a AD soma acima de 100 mil templos. A Assembleia, que surgiu em Belém, está presente em 176 países.

COMITIVA

O evento que celebra a data irá reunir uma comitiva federal com 30 representantes e, além de parlamentares federais paraenses, também deverá estar o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, apontado como um dos possíveis nomes para vice na chapa que buscará a reeleição de Jair Bolsonaro em 2022.

LIXÃO

RECURSO

O Ministério Público do Estado do Pará recorreu, junto ao Tribunal de Justiça do Estado, da decisão que garantiu o funcionamento do Aterro Sanitário de Marituba por mais 15 dias, ou seja, até 30 de junho. O recurso foi assinado pelo 15º procurador de Justiça Cível, Waldir Macieira, e pelos promotores de justiça Raimundo de Moraes, Nilton Gurjão e Eliane Cristina Moreira. A decisão de manter o aterro aberto é do desembargador relator do caso, Luiz Gonzaga Neto. Ele argumentou que a medida era necessária por se tratar de serviço público essencial.

ARGUMENTOS

O pedido de prorrogação do prazo para fechamento do aterro foi dos municípios de Belém e Ananindeua. Nesse meio-tempo seriam mantidas as negociações entre os municípios, o Estado do Pará e a empresa Guamá Resíduos Sólidos, que administra o aterro. O MP alega que cabe a suspensão da decisão porque, além dos autos não terem sido encaminhados para manifestação do órgão, o município de Marituba não foi intimado para se manifestar no processo.

EM POUCAS LINHAS

► Apesar de a Caixa Econômica Federal ter anunciado ontem que vai antecipar para hoje o início do pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial, nada muda para quem é cadastrado no Bolsa Família. Esses beneficiários seguirão o calendário anterior.  Hoje o pagamento será feito para nascidos em janeiro. Antes os pagamentos estavam previstos para agosto.

► Dados do sistema InfoGripe, que leva em conta as internações por síndrome respiratória aguda grave (SRAG) em todo o Brasil, mostram que, em alguns Estados, ainda há probabilidade de crescimento das internações, apesar do avanço da vacinação contra a covid-19. Entre os Estados que devem ficar em alerta estão Acre, Amazonas, Goiás, além do Distrito Federal. O Pará aparece ao lado dos Estados com tendência de estabilidade, entre eles Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas, Espírito Santo, Rondônia, Mato Grosso e Santa Catarina.

► A Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna capacita, de hoje até domingo, profissionais das áreas de Enfermagem, Fisioterapia e Medicina para uso da tecnologia Oxigenação Extracorpórea por Membrana (ECMO).

►  O município de Ananindeua, na Região Metropolitana, divulgou ontem que, até o momento, já aplicou 182 mil doses de vacina contra a covid-19, sendo que 133.317 mil pessoas tomaram a primeira dose e 48.683 mil completaram o esquema vacinal, recebendo também a segunda dose.

 ► O economista paraense Eduardo Costa, professor da Universidade Federal do Pará, foi indicado para concorrer ao Prêmio Economista do Ano de 2020, concedido pela Revista Economia em Ação. Costa foi o único profissional das regiões Norte e Nordeste indicado entre os seis finalistas.

 ► Uma nova pesquisa do Serasa revelou que as contas básicas representam mais de 22% das dívidas dos brasileiros. Motivo: a alta nos preços da conta de luz e de gás.

Repórter 70
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!