CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

REPÓRTER 70

Por Grupo Liberal

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil. | Twitter: @reporter_70

R70: 'A cooperação será fundamental, em todos os níveis', diz Eduardo Leite

Governador do RS anunciou a criação do Plano Rio Grande, iniciativa estadual destinada a reparar os danos causados pelas fortes chuvas que atingiram o estado

Repórter 70

Intolerância religiosa
O MP de Minas Gerais denunciou a influencer Michele Dias Abreu por associar a tragédia no RS às religiões de matriz africana.

Emergência
Governo trabalha em novo sistema de alerta de chuvas e deslizamentos de encostas, com disparo de mensagens para celulares.

image Eduardo Leite, governador do RS (J. Bosco/O Liberal)


"A cooperação será fundamental, em todos os níveis.”


Eduardo Leite, governador do RS, ao anunciar a criação do Plano Rio Grande, iniciativa estadual destinada a reparar os danos causados pelas fortes chuvas que atingiram o estado.


MARCHA

PREFEITOS

Começa nesta segunda-feira (20) a “XXV Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios”, a famosa “Marcha dos Prefeitos”, realizada, anualmente, pela Confederação Nacional dos Municípios. Neste ano, o evento, que reúne prefeitos de todo o País na capital federal, terá como tema “Pacto Federativo: um olhar para a população desprotegida”. Os organizadores avaliam que a marcha teve menos adesão, com dois mil prefeitos inscritos até a sexta-feira (17), ou seja, metade dos participantes do ano passado, quando cerca de quatro mil prefeitos passaram por Brasília. O Pará segue a mesma tendência de queda nas inscrições, com pouco mais da metade dos 144 prefeitos inscritos no evento.

QUEDA

Fonte ligada à Federação das Associações de Municípios do Pará (Famep) avalia que a baixa pode ter relação com o desastre climático no Rio Grande do Sul, já que, além dos prefeitos daquele Estado não comparecerem este ano, os demais acreditam que aquelas serão as prefeituras prioritariamente ajudadas pelo governo federal este ano, portanto, não compensa o desgaste do deslocamento para a marcha. Já outros inscritos preferiram chegar cedo e já há registros de prefeitos em Brasília desde a sexta-feira (17).

LIXO

CONTRADIÇÃO

A Ciclus Amazônia, concessionária de limpeza urbana de Belém, divulgou balanço do seu primeiro mês de operação. De acordo com a empresa, foram coletadas 60 mil toneladas de resíduos entre os dias 15 de abril e 14 de maio. No mesmo período, a empresa responsável pelo aterro sanitário de Marituba afirmou ter recebido aproximadamente 27 mil toneladas de resíduos domésticos de Belém, número próximo da média histórica mensal da capital paraense, que é de 30 mil toneladas.

MATEMÁTICA

Se dessas 60 mil toneladas apenas 27 mil foram de lixo doméstico destinado ao aterro sanitário, ou seja, menos da metade do que teria sido recolhido, qual o destino das outras 33 mil toneladas? Depois de meses de acúmulo, coleta irregular e força-tarefa anunciada para limpar a cidade, a quantidade de lixo doméstico enviada ao aterro não deveria ser bem maior que a média histórica? Essas toneladas que não foram para Marituba seriam só de entulho e poda de árvores, únicos resíduos que podem ser destinados ao Aurá? Faltam números para fechar essa conta.

COTA-PARTE

CRITÉRIO

Durante a primeira reunião do grupo da cota-parte do ICMS, que reúne representantes do governo do Estado e dos municípios paraenses, realizada na semana passada, servidores da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) apresentaram o cálculo do índice ecológico, que traz novas regras para a distribuição da arrecadação entre os municípios. A partir de 2032, a distribuição da parcela do Imposto sobre Bens e Serviços (IBS) será feita pelos seguintes critérios: 80% população; 10% critério educacional; 5% preservação ambiental e 5% igualitário.  

DIVISÃO

Em 2024 o Índice de Participação dos Municípios terá os seguintes critérios: 65% correspondentes ao Valor Adicionado (VA); 10% correspondentes a critério educacional; e o restante conforme o disposto na lei estadual nº 6.545/91: 7% igualmente entre todos os entes municipais; 5% com base na população do território, 5% na proporção da superfície territorial e 8% de acordo com critério ecológico, calculado pela Semas.

TV

OPORTUNIDADE

A TV Liberal, afiliada à Rede Globo no Pará, realiza na terça-feira (21) e quarta-feira (22) encontro com agências de comunicação, anunciantes, empresários e autoridades dos municípios de Castanhal e Paragominas, nordeste paraense. Em pauta, oportunidades comerciais, dados sobre o mercado local e planejamento. Durante as novas edições do “Vem pra Lib”, os executivos da TV Liberal mostrarão soluções estratégicas em comunicação multiplataforma, insights e tendências de mercado para 2024. Também será anunciada a integração do sinal digital de toda a Rede Liberal, abrangendo 85 municípios paraenses.


EM POUCAS LINHAS

► A Associação Comercial do Pará entrega na próxima quinta-feira (23) o prêmio J. Dias Paes para a empresa Marmobraz, que está há 51 anos no mercado paraense.

► A comissão da Indústria e Comércio da Assembleia Legislativa do Estado do Pará realiza, na quarta (22), reunião com sindicatos da indústria paraense. O tema será “Negócios e Sustentabilidade na Perspectiva da COP 30 e da Feira da Indústria”. A Comissão é presidida pelo deputado Fábio Freitas (Republicanos).  

► A Secretaria de Povos Indígenas do Pará (Sepi) e a Universidade do Estado do Pará (Uepa) anunciaram nesta quarta-feira (15) o planejamento para criação de curso técnico de enfermagem para indígenas no campus XII, em Santarém, que deve atender comunidades da região oeste do Estado.

► Nesta segunda-feira (20) e terça-feira (21), Santarém, no oeste paraense, sedia o Encontro de Gestão e Governança: Desafios e Oportunidades, realizado pelo Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA). A programação é alusiva aos dez anos de atuação da unidade regional de Santarém, que atende a 29 municípios da região.

► A Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-PA) lança, no próximo dia 5 de junho, a 12ª edição do Prêmio Ser Humano, que tem por objetivo valorizar cases de sucesso de empresas na área de Recursos Humanos e reconhecer profissionais do mercado.

► Após o lançamento, as empresas poderão inscrever seus projetos, que serão avaliados por uma banca técnica. Os cases vencedores serão conhecidos em premiação no final do ano e estarão habilitados para premiação nacional.

► A produtora paraense Negritar Filmes e Produções, que emerge como uma voz representativa das mulheres negras da região amazônica no contexto do audiovisual nacional, acaba de ser contemplada no Edital Ruth de Souza de Audiovisual.

► A seleção é um marco para a produção de audiovisual na região Norte, no edital que contou com mais de 130 inscrições e apenas dezoito produtoras selecionadas.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Repórter 70
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!