Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

REPÓRTER 70

Por Grupo Liberal

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil. | Twitter: @reporter_70

'Eu fiz um rejuvenescimento vaginal. Tudo novo aqui', assume a cantora Gretchen, de 64 anos

A artista passou por algumas cirurgias plásticas nos últimos dias e compartilhou as mudanças nas redes sociais

Repórter 70

Na capital paraense
O preço do litro do açaí do tipo médio caiu 19,38% em julho na comparação com o mês de junho, informa o Dieese do Pará.

Visitante especial
Em Belém, o cão policial “Alecrim”, que atua em processos terapêuticos, visitou, ontem, crianças em tratamento contra o câncer.

 

Gretchen (J. Bosco)

 

"Eu fiz um rejuvenescimento vaginal. Tudo novo aqui.”

Esse é um dos trechos de mensagem postada em rede social pela cantora Gretchen, de 64 anos. A artista passou por algumas cirurgias plásticas nos últimos dias. Fez procedimentos no rosto e no abdômen. O que Gretchen não havia contado é que também operou sua genitália. Nas redes sociais, ela explicou que fez plástica íntima para rejuvenescer a região.

LULA

Belém
 
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, candidato do PT à Presidência da República, decidiu pernoitar em Manaus (AM) e só desembarcará hoje em Belém. A chegada está prevista entre 10h e 11h e Lula seguirá direto para o Theatro da Paz, onde vai se reunir com 700 profissionais do setor cultural. O governador Helder Barbalho, candidato à reeleição pelo MDB, e o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (PSOL), também devem participar desse evento. O período da tarde será reservado para uma sessão de fotos com os cerca de 300 candidatos a cargos eletivos que apoiam Lula no Pará. Em seguida, o petista fará um comício. Amanhã, será a vez da candidata do MDB à Presidência da República, Simone Tebet, desembarcar na capital paraense para cumprir agenda de campanha.

URNA

Confiança

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará instalou, ontem, a Comissão da Auditoria da Urna Eletrônica (Cave). Como a denominação sugere, a Cave será encarregada de organizar e presidir o processo de auditoria das urnas eletrônicas com a finalidade de testar a integridade do sistema e a confiabilidade das informações dos votos. O teste será feito no mesmo dia e horário da eleição. Neste ano, a auditoria ocorrerá em dois polos distintos pela primeira vez, um na capital, onde normalmente é feito, e outro no município de Marabá, no sudeste paraense. A Cave será presidida pelo juiz eleitoral Marcus Alan de Melo Gomes.

“Cola”

Neste ano, os eleitores deverão escolher cinco candidatos: deputado estadual, deputado federal, senador, governador e presidente da República. A estimativa é de que o tempo médio de votação seja de um minuto e meio por pessoa. Para acelerar o processo, o Tribunal Superior Eleitoral incentiva o uso da “cola” com os números dos registros dos candidatos escolhidos pelo eleitor.

Treino

O TRE do Pará prossegue com as ações para que os eleitores exercitem a utilização das urnas eletrônicas para evitar o nervosismo e reduzir a possibilidade de erros, especialmente de quem vai votar pela primeira vez ou tem pouca intimidade com tecnologias. Ontem foi o primeiro dia do programa “Vem Treinar” dentro da programação da 25ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, no Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. A campanha vai continuar até domingo, 4. Haverá ações também na Catedral Metropolitana de Belém e em outros espaços onde há concentração de eleitores.

ATERRO

Impedimento  

Faltando um ano para se encerrarem as atividades do aterro sanitário do município de Marituba, a Prefeitura de Bujaru publicou um projeto de lei complementar que dispõe sobre a proibição de construção e instalação de aterros sanitários em todo o seu território. Nas cidades de Benevides e Acará também já existem leis semelhantes. Especialistas alertam que, no futuro, tal impedimento poderá resultar em um problema crônico na gestão dos resíduos sólidos, principalmente para Belém, Ananindeua e Marituba, cidades que não possuem áreas para construção de novos aterros sanitários.

Impasse

A legislação proposta por Bujaru entra em conflito com o Marco Legal do Saneamento Básico, que estimula a regionalização como solução para tratamento de resíduos, ou seja, a constituição de consórcios de municípios que não tenham capacidade financeira para instalação de aterros sanitários. Vale lembrar que o aterro sanitário de Marituba, que recebe os resíduos sólidos da Região Metropolitana de Belém, não poderá mais operar a partir de 31 de agosto de 2023.

CASAMENTO

Homoafetivo

O Tribunal de Justiça do Pará vai organizar, pela primeira vez, um casamento comunitário homoafetivo no Estado. Vinte e quatro casais trocarão alianças durante a cerimônia marcada para as 9h de amanhã, no auditório “Desembargador Agnano de Moura Monteiro Lopes”, no Fórum Cível de Belém, no bairro da Cidade Velha. O evento é uma iniciativa do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos, coordenado pela desembargadora Dahil Paraense de Souza. A ação é realizada em parceria entre o Centro de Apoio Operacional de Direitos Humanos do Ministério Público do Estado do Pará e a Coordenadoria de Diversidade Sexual da Prefeitura de Belém, que inscreveram os noivos.

Em Poucas Linhas

► O best-seller do escritor Walcyr Monteiro, “Visagens e Assombrações de Belém”, deve esgotar suas últimas unidades até o encerramento da 25ª edição da Feira Pan-Amazônica do Livro, neste domingo, 4. O filho do escritor e curador de sua obra, Átila Monteiro, informa que ainda não há previsão de uma nova tiragem do livro até o fim deste ano. Átila diz ainda que o volume 2 da obra literária será lançado em 2023. O livro terá histórias inéditas que foram editadas pelo escritor antes de falecer.

► Será aberto hoje o curso gratuito de corte de cabelo oferecido pela Prefeitura de Belém, por meio do Banco do Povo, em contrato firmado com o Senac do Pará. São 15 vagas destinadas ao público atendido pelo Centro de Referência de Assistência Social do bairro do Tapanã.

► A receptividade dos artigos sobre o Colégio “Paes de Carvalho”, publicados nos últimos domingos em O LIBERAL, animou o  jornalista Walbert Monteiro, que decidiu  editar um livro em parceria com outros antigos alunos. Batizada de “Memórias Cepceanas”, a obra deve ser lançada até o final deste ano.

► Candidatos que disputam as eleições deste ano têm usado as redes sociais para pedir doações para a campanha eleitoral. Como nas duas últimas eleições, apenas pessoas físicas podem doar. A novidade neste ano é que os recursos podem ser repassados aos comitês de campanha via Pix. As doações não podem ultrapassar 10% dos rendimentos do doador.

► O Senado aprovou, ontem à noite, a Medida Provisória 1.116 de 2022 que flexibiliza a jornada de trabalho para mães e pais que tenham filhos com até seis anos ou com deficiência. O texto agora irá para sanção do presidente da República.

Palavras-chave

Repórter 70
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!