Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

REPÓRTER 70

twitter.com/reporter_70

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil.

"12% têm um grau de deficiência em que é impossível a convivência”, afirmou o ministro da educação

Na fala, Milton Ribeiro defendeu que é impossível a convivência com 12% do total de alunos com deficiência matriculados em escolas públicas; fala gerou polêmica

Repórter 70

Estrelas da música
O Rock in Rio anunciou as novas atrações para o festival de 2022: Iron Maiden, Megadeth, Sepultura, Ivete Sangalo e Iza.

Contra a raiva animal
Amanhã, das 8h às 15h, tem vacinação antirrábica de cães e gatos, na praça Dalcídio Jurandir, na Cremação, informa a Sesma.

 (J.Bosco)

"Nós temos 1,3 milhão de crianças com deficiência que estudam nas escolas públicas. Desse total, 12% têm um grau de deficiência em que é impossível a convivência”.

Foi o que afirmou, ontem, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, ao defender o uso de salas especiais para esses alunos. As declarações de Ribeiro motivaram críticas e, ainda nesta quinta-feira, ele se desculpou nas redes sociais. “Minha intenção foi referir-me quanto à dificuldade de desenvolvimento adequado de algumas crianças com deficiências em classes comuns”, escreveu o ministro.

COOPERAÇÃO

Institucional

O Grupo Liberal e a Universidade Federal do Pará (UFPA) formalizaram, ontem, um inédito termo de cooperação para realização de diversas iniciativas. Entre as primeiras ações está a parceria institucional para promoção do conhecimento científico produzido na UFPA, por meio dos veículos do Grupo Liberal, como já vem ocorrendo com as pautas do projeto Liberal Amazon, que têm revisão técnica e supervisão de pesquisadores e cientistas da instituição de ensino superior.

Estágio

Também está em desenvolvimento um amplo programa de estágio nas empresas do Grupo Liberal, nas mais diversas áreas e com o intuito de identificar e desenvolver talentos da academia. Paralelamente, outros projetos estão em andamento, envolvendo as áreas de tecnologia e inovação. O objetivo é fomentar e ampliar oportunidades no mercado.

Intercâmbio

A formalização da parceria reuniu o presidente executivo do Grupo Liberal, Ronaldo Maiorana, a vice-presidente Rosângela Maiorana, o reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, e pró-reitores da universidade. No encontro, Rosângela, que é vice-cônsul honorária da Itália no Pará, reforçou o planejamento para atividades conjuntas da universidade com a Embaixada da Itália no Brasil, para a promoção da cultura e do intercâmbio de conhecimento entre os dois países.

Patrimônio

Durante o encontro, o reitor Emmanuel Tourinho destacou o atual empenho da universidade com o curso de graduação em Conservação e Restauro e o mestrado em Ciências do Patrimônio. As aulas são ministradas no antigo Convento dos Mercedários, administrado pela universidade. O prédio  histórico recebeu investimentos, que podem ser ainda mais robustos quando da futura aprovação de projetos de conservação.

Turismo

Entre as iniciativas para o novo espaço está a Galeria de Arte da UFPA, a livraria da editora da universidade e área para a realização de atividades da Escola de Música. Após ser concluído, o complexo irá valorizar ainda mais uma das mais belas áreas da capital paraense, entre a Estação das Docas e o Ver-o-Peso. A iniciativa de preservação do patrimônio deve garantir mais uma opção turística e de lazer aos moradores e visitantes de Belém.

MANGUEZAIS

Limpeza

A Federação Paraense de Surf (Fepasurf) promoverá, amanhã, a limpeza dos manguezais do município de Salinópolis, no nordeste paraense. A ação será realizada em parceria com catadores de caranguejo, pescadores, ribeirinhos, esportistas e uma cooperativa de reciclagem do município. A mobilização foi idealizada pelo surfista Noelio Sobrinho, um dos precursores do surf na pororoca. Os esportistas vão se dividir em equipes e haverá competição para saber qual delas conseguirá retirar mais lixo das áreas de manguezais existentes na cidade litorânea.

VACINA

Debate

A discussão sobre a aplicação de uma dose de reforço de vacinas contra a covid-19 no Brasil até o final deste ano foi aquecida com as novas declarações do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ele afirmou que, nesse caso, os grupos considerados prioritários serão formados por profissionais de saúde e idosos. Porém, o ministro destacou que ainda aguarda o resultado do estudo encomendado pelo governo federal sobre a aplicação da terceira dose para quem tomou a vacina Coronavac, desenvolvida pela Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.

Aval

Se for confirmada a necessidade da terceira dose, a iniciativa do governo federal teria que receber o aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que, ontem, rejeitou o pedido do Instituto Butantan para o uso da vacina Coronavac em crianças e adolescentes de 3 a 17 anos de idade. A negativa da diretoria colegiada da Anvisa foi justamente pela inconsistência das informações apresentadas pelo Instituto Butantan, inconclusivas sobre a  eficácia e segurança da dose nessa faixa etária. Atualmente, a vacina da Pfizer é a única aprovada para quem tem entre 12 e 17 anos de idade. Já a farmacêutica Janssen, que oferece a vacina em dose única, recebeu autorização para a condução de estudos com menores de 18 anos de idade no Brasil.

EM POUCAS LINHAS

► O jornalista Walbert Monteiro foi eleito, ontem, para ocupar a cadeira de número 22 da Academia Paraense e Letras, que pertencia ao professor João Paulo Mendes.  Walbert Monteiro é jornalista com passagem por vários veículos de imprensa do Pará e, atualmente, é colaborador de O LIBERAL.    

 ► Com as doações ainda mais em baixa por causa da pandemia, a Fundação Hemopa tem feito várias ações itinerantes para mudar esse cenário. A próxima será nos dias 24 e 25 deste mês, no Hospital Regional Abelardo Santos, no distrito de Icoaraci. A meta é alcançar 200 doadores nesses dois dias. O atendimento será das 9h às 16h.

► A Secretaria Municipal de Habitação e a Companhia de Tecnologia da Informação de Belém (Cinbesa) apresentarão, hoje, o novo site para cadastramento de famílias no programa de habitação do município. O site promete mais facilidade aos usuários, além de permitir, pela primeira vez, o atendimento de pessoas trans e as que vivem em situação de rua –  cerca de 800 pessoas em Belém  – segundo estima a Fundação Papa João XXIII (Funpapa).

► A cachorrinha aparentemente abandonada na noite de quarta-feira em um shopping center da capital foi cuidada, alimentada e batizada de “Cristal” por colaboradores do empreendimento. Eles ainda estão aguardando algum contato do tutor. Se em 24 horas isto não ocorrer, “Cristal” será adotada por uma colaboradora do shopping.

► A Vale divulgou, ontem, o balanço da sua atuação no primeiro semestre deste ano no Pará. A publicação elenca as ações desenvolvidas nas áreas social, ambiental e econômica. A empresa tem 30 mil trabalhadores no Pará.

Palavras-chave

Repórter 70
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!