Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Círio 2022: itens em cera já são procurados por promesseiro; vídeo

Objetos históricos representam agradecimentos por graças alcançadas, pedidos e promessas. A movimentação é vista com entusiasmo por vendedores dos produtos

Camila Azevedo

Miniaturas de pulmão e coração em cera. Essa é a aposta de produtos que mais vão ser vendidos aos promesseiros durante a preparação para o Círio 2022. Os temas têm a ver com a saúde e refletem as vivências pessoais de cada devoto durante os momentos críticos da pandemia da covid-19, que impactou também a venda desses artigos religiosos. A expectativa é que todo o estoque das peças criadas seja comprado e a movimentação já começou a animar os produtores. Em contrapartida, a estimativa dos vendedores é que a queda no movimento, em 2020, tenha alcançado a marca dos 80%, enquanto que 2021 fechou com a diminuição de 65%

Os objetos de promessas são históricos nas romarias e representam agradecimentos por graças recebidas pela intercessão de Nossa Senhora. Velas normais ou de metro, partes do corpo, tijolos, miniaturas de barcos e casas, réplicas da berlinda e imagens da Virgem de Nazaré são os itens vistos com frequência durante as procissões. Também há quem prefira livros, cruzes e brinquedos, tudo para demonstrar a gratidão do povo. As formas de pagamento (ex-votos) dos promesseiros são depositadas nos carros dos milagres ou em locais especiais para cada um na Basílica Santuário. 

VEJA MAIS

Círio 2022: parque de diversões Ita já tem data para voltar a Belém
Após dois anos de restrições sanitárias, o espaço recreativo volta à programação do Arraial de Nazaré

Círio reúne fieis de Nossa Senhora do Bom Remédio em Belém
A programação teve início às 6h30, com uma missa na Comunidade do Imaculado Coração de Maria

Após fala sobre Círio e críticas da Igreja Católica, Edmilson se retrata
Pronunciamento foi divulgado nas redes sociais do prefeito; fala ocorreu durante ato da cultura promovido no Theatro da Paz, em Belém

O ano de 2022 é considerado tempo de recuperação. Pedro Manuel, de 60 anos, é administrador de uma loja especializada em produtos de cera, localizada no bairro da Cidade Velha. Para ele e toda a equipe empenhada na fabricação dos artefatos, a aposta é que todas as peças que estão disponíveis sejam vendidas. “A gente tem uma responsabilidade muito grande. Eu entendo que isso é um triângulo, nós, produzindo, o romeiro e Nossa Senhora. Sempre, todos os campeões de venda são as cabeças e as casas, essas são as peças mais procuradas. Em 2021, apostamos em pulmão e coração. Já em 2022, continuamos nessa, foram dois órgãos muito atingidos na pandemia”, diz.

Os artigos têm preços a partir de R$10 reais, mantendo essa média para não afastar os fiéis. O período em que a pandemia esteve no auge foi um desafio na loja: a dinâmica de delivery foi implantada para atender quem queria manter a tradição e não podia sair de casa. Os itens começam a ser produzidos na semana seguinte ao domingo de Páscoa. A força tarefa é para que não falte objetos de cera para ninguém. “Essa é a nossa intenção. Até então, algum pedido que seja feito diferente do que nós produzimos, procuramos fabricar, criar, para que o promesseiro não deixe de pagar a sua promessa”, explica Pedro.

O processo para que uma peça seja feita é acompanhado de otimização e formas de trazer o menor custo benefício para o cliente. Antes, pedrão sabão era usada, o que deixava o objeto muito pesado e sem durabilidade. Atualmente, uma nova técnica foi desenvolvida. “Eu comecei a fazer elas em alumínio. Hoje elas são todas resistentes, mais leves e práticas. A produção com elas é muito rápida”, finaliza o gestor.

Círio
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!