Baleada pelo ex, jovem 'ressuscita' após morte cerebral ser constatada

Mulher mexeu as mãos no momento em que aparelhos seriam desligados

Com informações do portal O Livre

Um mulher, que acabou baleada pelo ex-namorado por se recusar a reatar o relacionamento, teve a morte cerebral constatada, mas reagiu no momento em que os aparelhos seriam desligados. Karina Souto Rocha, 29 anos, estava internada no Hospital Municipal de Barra do Garças, a 520 quilômetros de Cuiabá (MT), após levar um tiro no rosto do ex-companheiro. 

Leia mais:

Mulher leva tiro no rosto após se negar a reatar relacionamento com ex

A família autorizou o desligamento dos aparelhos após a constatação da morte cerebral. Na segunda-feira (3), porém, por volta das 14h, quando a ordem de desligamento seria cumprida, uma enfermeira entrou no quarto e viu Karina mexer a mão. Assustada, ela chamou a moça pelo nome e Karina balançou a cabeça.

A enfermeira saiu correndo e gritando que Karina havia reagido. Chegaram a duvidar dela, mas novos exames mostraram que a jovem retornou do estado de morte cerebral.

Karina foi levada de volta para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde segue internada. Ela não fala, mas já abriu os olhos e reage às pessoas ao seu redor. O quadro clínico, segundo o pai da vítima, ainda é grave, mas a pressão está controlada e ele acredita na recuperação da filha.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BRASIL