Adolescente que matou Isabele com um tiro é internada

Juíza acolhe pedido do Ministério Público Estadual e entende que jovem cometeu ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso

Redação Integrada com informações do G1

A adolescente de 15 anos acusada de matar com um tiro Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, apresentou-se, na noite de terça-feira, 15, na Delegacia Especializada do Adolescente. A internação da menor de idade foi determinada pela juíza Cristiane Padim, da Vara da Criança e da Juventude de Mato Grosso.

Isabele morreu com um tiro no rosto em 12 de julho, em um condomínio de luxo de Cuiabá (MT). Em um primeiro momento, como as duas jovens eram amigas, houve amparo na versão de que o disparo foi acidental, como até hoje alega a defesa. Mas a decisão da juíza, que atendeu a um pedido do Ministério Público Estadual (MPE), entende que a adolescente cometeu ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso.

A defesa da adolescente acusada do ato infracional disse que vai ingressar com um pedido de habeas corpus para livrar a jovem da internação.

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) determina que menores que cometem atos infracionais análogos a crimes hediondos, como estupro e homicídio qualificado, sejam internados.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BRASIL