Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Novembro Azul: veja como uma alimentação correta influencia no tratamento do câncer

Os benefícios podem ir desde a redução dos efeitos colaterais da doença até a prevenção para quem não possui o tumor

O Liberal

Neste mês, a campanha do “Novembro Azul” faz um alerta a respeito de vários cuidados que se devem tomar com relação ao câncer. E, dentre as mais importantes precauções (tanto para quem faz tratamento quanto para os que desejam prevenir a doença), está a alimentação. Apesar de pouca gente saber, os alimentos certos podem ajudar no manejo dos efeitos colaterais do câncer, auxiliar na manutenção e recuperação do estado nutricional do paciente e, também, auxiliar na melhor performance e desfecho clínico do caso.

“É importante ter intervenção nutricional de forma oportuna, afim de prevenir perda de peso e massa muscular. Esses fatores estão associados à baixa imunidade, riscos de hospitalização e impactos negativos na qualidade de vida do paciente. Podendo ocasionar menor adesão e maior interrupção do tratamento”, afirma a nutricionista oncológica, Viviane Rocha.

VEJA MAIS

Quer um almoço saudável e delicioso? Faça uma couve-flor gratinada de dar água na boca Essa receita é uma ótima pedida para quem quer comer sem 'peso na consciência'

Segundo a especialista, cada pessoa pode seguir um método de alimentação adequado para si, indicado por seu médico. Mas, no geral, ainda há alguns caminhos que podem ser seguidos para um melhor cuidado. “É possível trabalhar com estratégias nutricionais específicas e direcionadas a cada possível efeito adverso que o paciente possa apresentar. Realizando o manejo do sintoma, o paciente fica mais confortável para melhor tolerância alimentar”, declara.

Viviane Rocha (Reprodução; Instagram)

A médica também citou as atenções que as pessoas em tratamento devem ter: “É muito importante o cuidado com a higienização adequada dos alimentos, devido à imunidade baixa. Não devem ser consumidos alimentos crus de origem animal para evitar contaminação. Evite alimentos ricos em gordura e limite o consumo de carne vermelha em até 400-500g na semana. Não consuma ou evite o consumo de carnes processadas, bebidas e preparações açucaradas”, pontua.

Para esclarecer as dúvidas, Viviane também falou sobre os principais mitos relacionados a alimentação destes pacientes: 

“O mito campeão é sobre açúcar/carboidratos alimentarem o câncer. Por conta dessa informação falsa, acabam fazendo dietas super restritivas e que prejudicam o estado nutricional do paciente. Tem outros mitos, como tomar noni e chá da graviola, retirar alimentos como leite, carne, etc. Vale mencionar que nenhum alimento isolado é capaz de induzir ou prevenir o câncer”, alerta.

Veja quais alimentos devem permanecer na mesa de quem quer prevenir ou está em tratamento do câncer

  • Verduras e frutas em variedade;
  • Vegetais crucíferos como: brócolis, couve, repolho e folhosos verde escuros, pois são fontes de vitaminas e compostos antioxidantes, como o sulforafano que atua também com aumento do gene que diminui ou impede a formação do tumor;
  • Leguminosas como: Feijão, lentilha, grão de bico, etc., pois são ótimas fontes protéicas e ricas em fibras;
  • Cereais integrais como: flocos de aveia e arroz integral, já que são ricos em fibras, vitaminas e minerais;
  • Manter uma boa hidratação: é fundamental pelo menos 2L de água por dia;

Esses alimentos também podem agir como uma maneira de prevenção para quem não tem a doença. Mas é importante ressaltar que, além destas recomendações, as pessoas devem ser fisicamente ativas e manter um peso saudável, pois o excesso de gordura corporal é considerado um fator de risco para câncer.

Maiza Santos, estagiária, sob supervisão de Heloá Canali, coordenadora de OLiberal.com

Saúde
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!