Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Grupo acredita no potencial turístico de Mosqueiro e investe em restaurantes e hotel

Empreendimentos são procurados por quem busca oportunidade de relaxar e encontrar serviços de qualidade

Com mais de 17 km de praias, a Ilha de Mosqueiro é um dos principais atrativos turísticos para quem deseja relaxar e estar em contato mais próximo com a natureza. Por conta do potencial da região e do aumento no número de visitantes, o local voltou a receber atenção de grupos empresariais que investem na ilha e acreditam que ela ainda tem muito mais a oferecer aos que buscam conforto e serviços de qualidade.

Um desses investidores é o Grupo Jurubeba, que tem como principal acionista a empresária Sofia Louchard. O Grupo possui dois restaurantes em Mosqueiro: o Restô Jurubeba, inaugurado há três anos, e o Jurubeba Praia, aberto ao público há um ano. De acordo com Paulo Roberto, gestor dos espaços, Mosqueiro vive um momento de retomada de valorização, o que reflete na procura do público por restaurantes que não sirvam apenas comida boa, mas, também, uma experiência completa, com bom atendimento e opções de entretenimento.

“Temos a clareza de que Mosqueiro tem mercado. As pessoas hoje necessitam de lazer, de espaços organizados, comida de qualidade e música boa na praia. A Ilha fica perto de todas as cidades da região metropolitana de Belém, então tem uma alta demanda. Nos últimos 20 anos, a região estava esquecida por conta dos números da violência, mas esse é um problema que foi resolvido e hoje a tranquilidade e a segurança fazem parte do cotidiano tanto de moradores quanto dos turistas”, destaca Paulo.

Jurubeba já se consolidou no mercado gastronômico. Filhote ao molho de camarão é o prato mais pedido. (Divulgação/Jurubeba)

Os dois restaurantes, que funcionam, de segunda-feira a quinta-feira, de 8h às 19h, e às sextas, sábados e domingos, das 7h às 23h, possuem funcionários que foram capacitados com cursos de atendimento e chefes de cozinha com formação em gastronomia. O resultado desse aperfeiçoamento profissional reflete na alta procura pelos espaços, que têm como prato mais pedido o famoso filhote com molho de camarão.

Para Irislene Rodrigues, de 47 anos, que frequenta a Ilha de Mosqueiro desde a infância, é notável a mudança positiva que os grandes empreendimentos causam na região, atraindo mais turistas e oferecendo opções a mais de lazer com qualidade.

“O turismo na ilha gera mais empregos, movimenta a economia local e, principalmente, provoca o desenvolvimento. Acredito que restaurantes e hotéis bem estruturados são capazes de mudar o cenário da região e expandir as opções de lazer perto de Belém”, pontua Irislene.

Funcionários são capacitados com cursos de atendimento e chefes de cozinha têm formação em gastronomia (Divulgação/Jurubeba)

Além dos dois empreendimentos já consolidados no ramo gastronômico, o Grupo Jurubeba também decidiu apostar na hotelaria. Em julho, mês de maior movimentação, será inaugurado o Hotel de Charme Jurubeba, que contará com 24 quartos e será uma opção diferenciada para quem decidir estender a sua experiência na ilha por mais de um dia.

“Acreditamos em Mosqueiro. Por isso, a nossa expectativa é a melhor possível. Teremos quarto para casal, quarto adaptado para pessoas com necessidades especiais e família", finaliza Paulo Roberto. Segundo Paulo Roberto, que, também, integrará a gestão do hotel, o empreendimento chega em um momento oportuno, quando as pessoas já começaram a ser vacinadas e agora buscam opções de lazer depois de meses confinadas, o que deve aumentar o fluxo em Mosqueiro na alta estação que se aproxima.

Para conhecer o Grupo Jurubeba, clique aqui

 

Conteúdo patrocinado
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!