Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Entenda o significado das tarjas dos medicamentos

Uso indevido de remédios pode causar diversos danos à saúde

Fazer uso de medicamentos de maneira indevida ou consumi-los sem prescrição médica pode causar dependência, reações alérgicas e até a morte. Além disso, em alguns casos, combinar remédios diferentes anula ou acelera o efeito. Para facilitar a compreensão, as fabricantes do remédio colocam tarjas nas caixas para informar o grau de risco para a saúde.

A cor da tarja varia de acordo com a intensidade dos efeitos colaterais dos medicamentos e danos causados à saúde. As faixas podem ter as cores: amarela, vermelha e preta. Há também medicamentos que não são tarjados.

Entenda as diferenças:

- Sem tarja: podem ser comprados sem prescrição médica e recomendados para doenças de baixa gravidade. São remédios com poucos efeitos colaterais e devem ser utilizados de acordo com as instruções contidas na bula. Pertencem a esse grupo os antiácidos, antitérmicos e analgésicos.

- Tarja amarela: serve para identificar os medicamentos genéricos. Na embalagem também consta a letra G e o aviso “Medicamento Genérico”, para ressaltar essa característica. Mesmo usando a tarja amarela, é preciso indicar se o genérico pertence à classe vermelha ou preta. Podem ser medicamentos que necessitam de apresentação, retenção de receita ou são isentos de prescrição médica.

- Tarja vermelha sem retenção de receita: são vendidos apenas com a apresentação da prescrição, que não fica retida na farmácia. Esses medicamentos têm contraindicações e podem provocar efeitos colaterais graves, por isso devem ser prescritos por um médico ou dentista. Remédios para diabetes e hipertensão arterial fazem parte desse grupo.

-Tarja vermelha com retenção de receita: necessitam da prescrição no momento da compra, pois precisam de controle especial. Possuem diversas contraindicações e efeitos colaterais. Os antibióticos pertencem a esse grupo de medicamentos.

- Tarja preta: são remédios de maior controle e muitos efeitos colaterais. Para comprar esses medicamentos, é necessário apresentar uma receita médica especial, pois alguns podem exercer ação estimulante ou sedativa no sistema nervoso. Ansiolíticos, antidepressivos e os antipsicóticos são remédios que possuem a tarja preta.

Para saber mais sobre medicamentos, clique aqui.

Conteúdo patrocinado
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!