Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Do carrinho de lanche ao buffet: conheça a história de Bernadete, empreendedora de Breves

Ela apostou nos dotes culinários para abrir o negócio, e contou com o apoio do Sebrae para consolidar sua trajetória no segmento

Moradora de Breves, na Ilha de Marajó, Bernadete Alves vive uma história de perseverança. Há 17 anos, trabalhou em uma lanchonete, onde aprendeu a fazer alguns quitutes. Alguns anos depois, utilizou os conhecimentos para colocar um carrinho de lanche em frente a uma escola da cidade.

O início da vida empreendedora foi uma alternativa ao desemprego. “Foi quando meu filho nasceu, há 11 anos. Depois de uns dois anos, as pessoas já conheciam e comecei a aceitar encomendas de doces e salgados para aniversário. Em seguida, fiz um curso de pasta americana, o que aumentou as recomendações. Depois de um tempo, já não conseguia mais vender na esquina e passei a atender apenas por encomenda”, conta Bernadete, ao lembrar de sua trajetória empreendedora, iniciada com o carrinho de lanches.

Produtos feitos pela empreendedora mantém sabor artesanal (Arquivo pessoal)

Atualmente, a empreendedora conta com a ajuda de duas filhas, a sobrinha e a cunhada para dar conta dos pedidos. Por final de semana, ela faz de 600 a 3.000 unidades, uma média de 8.000 doces e salgados mensais, que ajudam a sustentar a família e pagar o imóvel em que vive com os três filhos e o esposo.

Bernadete chegou a ser beneficiária do Bolsa Família, programa de transferência de renda do Governo Federal. Com o apoio do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - Sebrae no Pará, conseguiu formalizar o negócio e se tornou uma Microempreendedora Individual (MEI).   

“Quando o Sebrae veio pra cá, fizemos o coquetel de inauguração junto com uma amiga. Então, fomos conversar e abrimos a empresa. Eles fizeram minha marca, a identidade visual, e prestaram outros tipos de serviços para melhorar o meu negócio. Foi importante essa parceria, me abriu outras portas, muita gente me contrata por conta dos eventos que fiz com eles”, comemora a empreendedora.

Com apoio do Sebrae no Pará, Bernardete conseguiu formalizar e expandir seu negócio (Arquivo pessoal)

Larisce Lauto, gerente do Sebrae na região do Marajó, lembra que a empreendedora também fez cursos e recebeu consultorias ofertados pela instituição. “Foi nas temáticas de vendas, atendimento, finanças e comunicação visual”, frisa. “Ela falava com grande entusiasmo do negócio. Se dispôs a sair do programa assistencialista para empreender, por acreditar em si”, observa Larisce.  

Empreendedora produz uma média de 8.000 doces e salgados mensal (Arquivo pessoal)

Para Bernadete, o sentimento é de vitória quando avalia seu crescimento. Atualmente, ela é contratada para coquetéis, cafés e grandes eventos, como aniversários de 15 anos e casamentos. "Comecei na beira da rua, arrastava carrinho de lanche no sol quente e temporal. Hoje, praticamente a gente não sai da cozinha. É bem gratificante. E, se Deus quiser, futuramente, vou industrializar o negócio, para atender à demanda, mas sem deixar os produtos perderem o sabor artesanal, o gosto que as pessoas dizem que é uma delícia. Tem uma diferença”, orgulha-se.   

Produção é feita por encomenda para pequenos, médios e grandes eventos em Breves (Arquivo pessoal)

“Ainda existe um grande índice de informalidade, mas a conscientização sobre os benefícios de formalizar o negócio tem aumentado”, destaca a gerente do Sebrae, ao falar um pouco da realidade do empreendedor na região da ilha que atua. “ Bernadete é um grande exemplo de que empreender é via para a qualidade de vida e para o desenvolvimento da região”, destaca Larisce.

Para saber mais sobre o apoio que o Sebrae no Pará prestar aos empreendedores, clique aqui

Conteúdo patrocinado
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!